Acre decreta Estado de Emergência por conta de imigrantes haitianos

O governador do Acre, Tião Viana (PT), decreta nesta terça-feira Estado de Emergência por conta do fluxo de imigrantes de haitianos. Coforme Agazeta.net e TV Gazeta anteciparam mais cedo, Viana declarou que pediria ajuda de Brasília para auxílio nas despesas de ajuda humanitária. Contabilizando os atuais 1,3 mil haitianos hoje em Brasileia, mais de cinco mil já entraram no Brasil pela fronteira com Peru e Bolívia.

Desde 2011 o Acre já desembolsou, sozinho, R$ 2,5 milhões em assistência com alimentação e hospedagem. Somando a ajuda federal, o custo supera os R$ 3 milhões. Com a decretação do Estado de Emergência, o Acre espera obter mais ajuda federal ante o número cada vez mais crescente de novos imigrantes.

A assinatura do decreto ocorre na manhã desta terça no gabinete do governador e onde logo depois concederá entrevista coletiva.

A Gazeta.net

Comentários