Acre vai acionar embaixada do Brasil na Bolívia por morte em presídio

O secretário de Justiça e Direitos Humanos do Acre, Nilson Mourão, irá acionar embaixada do Brasil na Bolívia sobre a situação dos brasileiros que cumprem pena no presídio boliviano Vila Bush, em Cobija. No início da semana, após uma rebelião, um brasileiro foi assassinado e outros quatro ficaram feridos.

embaixada

O secretário disse que antes de tomar qualquer atitude irá se informar sobre o assunto pedindo informações complexas sobre a situação do presídio ao embaixador em La Paz nesta quinta-feira, 14. Após as informações confirmadas do descaso dos brasileiros, Mourão disse que providências serão tomadas.

Entre elas, discutir o assunto durante a Organização dos Estados Americanos (OEA) e para estações sul-americanas como o parlamento do Mercosul. Além desse evento, Mourão diz que há várias instituições multilaterais para quais o Brasil pode apresentar o problema e assim pressionar o governo boliviano a tomar as devidas providências.

Mourão disse que o Brasil não poderá solicitar a transferência dos presos brasileiros do presídio Villa Bush, mas garante que o Estado dará todo apoio às famílias que estão passando por problemas com a situação dos presídios.

Fonte: agazeta.net

Comentários