Aníbal Diniz afirma que declarações de Aloysio Nunes sobre ‘queda’ nos lucros do BNDES são equivocadas

O senador Aníbal Diniz (PT/AC) utilizou a tribuna do Senado esta semana para rebater as críticas do senador Aloysio Nunes (PSDB/SP) de que a administração do PT à frente da Presidência da República seja a responsável pela queda nos lucros obtidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no ano passado.

Segundo o senador acreano, as declarações de Nunes estão equivocadas. Para justificar seu pensamento, Diniz apresentou dados sobre a lucratividade do BNDES nos últimos anos. Acrescentou, também, que a instituição não tem em sua visão a essência do lucro, porém, estimular o crescimento econômico e social do Brasil.

Diniz frisou que a redução nos lucros em 2012 ocorreu por causa de fatores tidos como “pontuais”, ou seja, a variação normal de mercado. “É importante ressaltar que os lucros do BNDES aumentaram expressivamente sob os governos do PT. Destaco também, que esses R$ 8,2 bilhões, é o terceiro maior lucro já registrado pelo BNDES na sua história”, enfatizou o senador petista.

Ainda rebatendo as críticas de Aloysio Nunes, o parlamentar acreano comparou a média de lucro obtida no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB) pela instituição financeira. No governo de FHC a média foi de R$ 742 milhões ao ano, já a média sob as gestões do PT foi de R$ 5,85 bilhões. (Com informações da Agência Senado)

Comentários