Assalto em Cobija termina em perseguição, tiros, ferido e detenção de suspeitos

Três homens, uma arma municiada e carro usado em assalto foram retidos pela PM

Alexandre Lima

Primeira providencia da Polícia boliviana, foi fechar a ponte Wilson Pinheiro na tentativa de deter suspeitos
Primeira providencia da Polícia boliviana, foi fechar a ponte Wilson Pinheiro por cerca de uma hora na tentativa de deter suspeitos

A fronteira do Acre com a Bolívia, foi movimentada na noite desta quinta-feira, dia 14, quando um assalto a mão armada aconteceu num dos comércios localizados no centro comercial da cidade de Cobija, capital de Pando, lado boliviano.

Segundo foi apurado, era por volta das 19:30 quando o comércio foi invadido por cerca de três homens armados e anunciaram o assalto. Cerca de B$ 300 mil bolivianos teriam sido levados (aproximadamente R$ 100 mil reais) e o proprietário ainda foi baleado com um tiro.

Genival Barbosa de Oliveira (32), estava com o carro, a arma e dinheiro quando foi detido
Genival Barbosa de Oliveira (32), estava com o carro, a arma e dinheiro quando foi detido

O comerciante teria passado por uma cirurgia no hospital e seu estado de saúde foi considerado delicado devido ao ferimento. No ano de 2012, o mesmo já havia sido vítima de outro assalto, os envolvidos foram detidos no lado brasileiro e alguns dos pertences foram devolvidos.

A Polícia Nacional Boliviana foi acionada e chegou a interditar a ponte Wilson Pinheiro por alguns minutos, no intuito de deter algum dos envolvidos. Momentos depois, policiais brasileiros (Civil e Militar) passaram a procurar possíveis suspeitos na cidade de Brasiléia.

Cerca de 40 minutos depois, três suspeitos foram detidos em lugares diferentes em Brasiléia, inclusive o carro que teria sido utilizado para dar suporte na fuga. Dentro, foi encontrado um revolver calibre 38 municiado e várias notas de dólares e boliviano.

Genival Barbosa de Oliveira (32), natural de Rondônia, já havia sido preso por porte de arma ilegal e uma tentativa de homicídio no lado boliviano no mês Janeiro passado. Este, dirigia o carro que estava com a arma, além do dinheiro e foi localizado dentro de um motel,.

Arma que teria usado para assaltar e ferir comerciante em cobija.
Arma que teria usado para assaltar e ferir comerciante em Cobija e parte do dinheiro recuperado.

Outros suspeitos e talvez o principal líder do grupo que participou do assalto, está sendo procurado pela cidade. Os nomes não poderão ser divulgado para não atrapalhar nas investigações. Toda ação da Polícia Militar, contou com a participação de 25 homens aproximadamente para tentar prender todos os envolvidos.

Claudemir Pereira Freitas (34) e Bekembauer Bites Amorim (31), foram detidos para averiguação sob suspeita de envolvimento no assalto, mas negavam qualquer participação. Os dois foram levados para a delegacia, onde seriam ouvidos.

Matéria relacionada: Homem é detido com revolver que pode ter sido usado para matar boliviano

Veja vídeo-reportagem com Almir Andrade abaixo.

Arma encontrada dentro o porta-luvas do veículos pode ter sido usada no assalto no lado boliviano
Arma encontrada dentro o porta-luvas do veículos pode ter sido usada no assalto no lado boliviano
assalto suspeitos2 assalto suspeitos8
Bekembauer Bites Amorim (31) e Claudemir Pereira Freitas (34), foram detidos para averiguação sob suspeita de envolvimento no assalto, mas negavam qualquer participação

Comentários