Bombeiros continuam resgatando feridos em camionete na fronteira

JOvem foi resgatada pelo socorristas dos bombeiros que estão utilizando uma camionete por não terem uma ambulância - Foto: Alexandre Lima
Jovem foi resgatada pelo socorristas dos bombeiros que estão utilizando uma camionete por não terem uma ambulância – Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima

Mesmo após flagrantes de feridos em acidentes ocorridos na fronteira, o socorristas dos Bombeiros ainda estão tendo de resgatar pessoas na carroceria de uma camionete. Fatos registrados em menos de uma semana, sequer sensibilizou o setor responsável em enviar uma para substituir ou enquanto a danificada retorne.

Ainda preocupados em mascarar o descaso e falar que duas cidades deveriam possuir apenas uma ambulância por não ter 100 mil habitantes, mais uma pessoa foi carregada na carroceria da camionete, sob um sol escaldante até o hospital de Brasiléia.

O acidente ocorreu por volta das 13 horas desta quinta-feira (5), quando uma camionete Triton, placas NAG 7507, conduzida pelo motorista Francisco Costa da Silva (33), saia da Rua José de Alencar, com acesso à Rua Hilário Meireles, foi surpreendido por uma moto que se chocou em sua dianteira.

A condutora da moto, Daniela Silva Ramos (19), sofreu escoriações pelo corpo e sentir fortes dores na região lombar, após cair na rua. Populares acionaram o SAMU para o resgate que se encontra na Capital, foi quando acionaram os Bombeiros.

O carro que se encontra na hospital de Brasiléia, seria a ambulância da cidade de Assis Brasil e está danificada após uma viagem de retorno da Capital, deixando o Município desassistido.

Segundo foi apurado, Daniela não corria risco maiores e deveria ficar em observação por algumas horas e depois ser liberada. O motorista Francisco que ficou no local, foi até a delegacia para dar esclarecimentos e em seguida ser liberado.

Matérias relacionadas:

Vergonha: Bombeiros resgatam pessoas em camionete por falta de ambulância

Governo envia Nota de Esclarecimento sobre falta de ambulâncias

Comentários