Capital: Pai é assassinado a tiros por tentar receber guarda do filho

999479_524129924307970_2016594234_n

A motivação para o crime foi a guarda do filho da vítima com a atual esposa do acusado

O crime aparentemente passional, segundo informações preliminares da Polícia Militar, aconteceu na manhã desta terça-feira, 9, na rua Floriano Peixoto,  em frente ao antigo Tribunal de Justiça, próximo a Rádio Difusora acreana. Keitiso Nascimento Piolo foi morto com três tiros pelo atual namorado de sua ex-mulher.

A polícia encontrou ainda com o acusado, Leandro Lima do Nascimento
A polícia encontrou o acusado, Leandro Lima do Nascimento

Ao ser morto nesta manhã, a vítima tinha em mãos toda a papelada de uma audiência na Vara da Família ocorrida hoje, às 10 horas da manhã. A polícia encontrou ainda com o acusado, Leandro Lima do Nascimento, 21 anos, a arma utilizada no crime.

Conforme relatos de familiares da vítima que foram ao local, a briga entre os três, a vítima, o acusado e a esposa do acusado de cometer os disparos, a motivação para o crime se deu pela guarda do filho da mulher com o assassinado, Keitiso Nascimento.

Segundo o acusado, ele não queria se desfazer da guarda da criança, juntamente com a mulher, que “criaram o filho de Keitison e ele não teve a menor consideração por mim”, disse o acusado.

Da redação, com Thais Farias – O Rio Branco

Fotos: Luciano Tavares

Comentários