Divulgador da Telexfree chama promotora de “Diabo Loiro” e é preso

promotora alessandra marques caso telexfreeA primeira audiência de conciliação entre o MPE e a Telexfree, na 2ª Vara Cível do Fórum Barão do Rio Branco, além da decisão negativa para a empresa, teve bastante confusão.

Do lado de fora os divulgadores gritavam revoltados com o resultado da audiência e nos corredores do Fórum os líderes da empresa não aceitavam a decisão.

Flávio Arraes, um dos divulgadores da empresa foi detido depois de ter chamado a promotora Alessandra Marques de “Diabo Loiro”, enquanto ela deixava a sala de audiência, na 2ª Vara Cível do Fórum Barão do Rio Branco.

A promotora descia as escadas do Fórum quando foi  xingada pelo divulgador, que gritava: “parabéns, Diabo Loiro”. A promotora, que era escoltada por PM’s, virou-se para o divulgador e deu-lhe voz de prisão.

A partir daí os ânimos ficaram mais exaltados. Sobrou até para a imprensa que a todo momento era tratada como inimiga da Telexfree pelo diretores da empresa e seus divulgadores.

Um dos divulgadores tentou impedir o cinegrafista Michel Jackson da TV Rio Branco, de filmar a movimentação no Fórum. Até o Bope foi chamado para fazer segurança no local

Da redação, com Luciano Tavares – ac24horas

Comentários