Estrada ruim aliada a chuva pode ter sido causa de acidente no Juruá

Péssimas condições da BR 364 sentido Cruzeiro do Sul e uma forte tempestade pode ter provocado tombamento de ônibus com mais de 30 passageiros

De acordo com informações o vento forte teria empurrado o ônibus que pesa toneladas em direção a margem da estrada que ainda passa pelo serviço de terraplanagem com o peso barro solto não suportou e cedeu fazendo com que o ônibus tombasse em uma ribanceira ferido com todos os passageiros, entre crianças, jovens adultos e idosos. Fotos: Ecos da Notícia
De acordo com informações o vento forte teria empurrado o ônibus que pesa toneladas em direção a margem da estrada que ainda passa pelo serviço de terraplanagem com o peso barro solto não suportou e cedeu fazendo com que o ônibus tombasse em uma ribanceira ferido com todos os passageiros, entre crianças, jovens adultos e idosos. Fotos: Ecos da Notícia

O acidente aconteceu por volta das 16 horas desta quarta-feira (04) na BR 364 entre os municípios de Manoel Urbano e Feijó onde vários ingredientes como as péssimas condições da BR 364 que passa com obras e uma forte tempestade podem ter contribuído para o tombamento de um ônibus da Empresa Transacreana que seguia viagem de Cruzeiro do Sul com destino a Capital Rio Branco levando 34 passageiros.

De acordo com informações o vento forte teria empurrado o ônibus que pesa toneladas em direção a margem da estrada que ainda passa pelo serviço de terraplanagem com o peso o barro solto não suportou e cedeu fazendo com que o ônibus tombasse em uma ribanceira ferindo todos os passageiros, entre crianças, jovens adultos e idosos.

Segundo testemunhas a forte tempestade não atingiu somente a BR 364, mas toda a zona rural e parte da área urbana onde casa foram tangidas  e destelhadas e em alguns casos as casas vieram a baixo com a forte ventania que apesar de todos os problemas trouxe apenas danos matérias e feridos no acidente de transito sem nenhum registro de morte.

Dos 34 feridos, quatro ficaram em estado grave e todos foram removidos para o Hospital em Feijó onde após avaliação detectou a necessidade de translado de quatro vitima em situação de urgência.

O Governo do estado disponibilizou toda a estrutura para o município e até o final da tarde esperava-se que o avião fretado trouxesse as vitimas para Rio Branco os cinco passageiros que ficaram mais feridos, mas a situação agravou e ainda na noite desta quarta-feira (04) cinco viaturas do SAMU foram encaminhadas aquele município onde o paciente Francisco  Vieira de Andrade Abelha foi o primeiro a ser transferido chegado ao pronto Socorro por volta de uma hora da madrugada desta quinta-feira (05) e mais quatro vítima estavam a caminho nas viaturas do SAMU com previsão de chegada a partir das 3h30 minutos todos em estado grave.

Deram entrada no hospital geral de Feijó, vinte oito passageiros, todos com ferimentos, hematomas e escoriações por todo o corpo. O caso mais grave é do passageiro Francisco Vieira

1-Mariana Barbosa de Lima
2- Antônio da Silva Pinheiro
3- Leia Teles dos Santos
4- Advania Ferreira Pinheiro
5- Antônio Leitão Nascimento
6- Francisco Vieira de Andrade Abelha (já está no Pronto Socorro de Rio Branco)
7- Ocelio Araújo do Vale
8- Antônio Gleison de Paula Mota
9- Cleidiane Leão Ferreira
10- Andressa Marques Pinheiro
11- Cristiane Braga da Silva
12- Francisca Viana Andrade Braga
13 – Mariano Barbosa Lima
14- Elza Araújo Freita
15- Keila Pacífico da Silva
16- Maria Xavier Paula

Comentários