Flagra: jovem estava se prostituindo ou sendo aliciada?

Mulher foi registrada em frente a escola 'oferecendo' serviços sexuais ou sendo aliciada, caso seja menor.
Mulher foi registrada em frente a escola ‘oferecendo’ serviços sexuais ou sendo aliciada, caso seja menor.

Reportagem flagrou uma jovem se insinuando para caminhoneiro enfrente da escola KJK. No caso de ser menor a jovem poderia está sendo aliciada a fazer sexo.

WILIANDRO DERZE, jornalista

Depois de registrarem inúmeros casos de violência e aliciamento na frente da escola Kairala José Kairala – KJK, nos últimos dias, a reportagem também flagrou uma jovem sendo aliciada ou até mesmo oferecendo serviços sexuais a um caminhoneiro. Comprovando que mesmo sendo um município relativamente pequeno, Brasiléia confirma as estatísticas apresentadas de que é uma região que a prostituição começa a se identificada.

As fotografias mostram claramente que a jovem conversar tranquilamente com o caminhoneiro que tentou por diversas vezes convencê-la a entra no caminhão. Olhando sempre para os lados e se insinuando de costas, mostrando os cabelos e chegando diversas vezes mais próximo do caminhoneiro que ficava a todo o momento na bolei, a jovem não se intimidava com quem passava pelo local.

Por diversas vezes a jovem se insinuou que iria entrar no caminhão, mas voltava e ficava fazendo poses ao caminhoneiro. A conversa durou bastante tempo e sem o menor pudor a jovem acabou entrando na boleia do caminhão. Neste momento o caminhoneiro notou que do outro lado da rua estávamos acompanhando a movimentação e tratou de acender os faróis do caminhão na direção do carro da reportagem.

O registro mostrou uma das cenas que muitas vezes a população presencia não só em Brasiléia, mas em outros municípios do Estado e de outras regiões do país e tem receio de denunciar. O que pode acabar na omissão da população, que perde o controle e deixa a prostituição ou a pedofilia tomar espaço dentro da sociedade.

Comentários