Governador entrega ambulâncias ao Samu

O governador Tião Viana e o vice-governador César Messias entregaram na manhã desta terça-feira, 29, dez ambulâncias ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A solenidade aconteceu em frente ao Quartel da Polícia Militar e reuniu socorristas do Samu, a secretária de Saúde, Suely Melo, vereadores e os deputados Élson Santiago, Geraldo Pereira e Astério Moreira.

O governador Tião Viana e o vice-governador César Messias entregaram na manhã desta terça-feira, 29, dez ambulâncias ao Samu (Gleilson Miranda/Secom)
O governador Tião Viana e o vice-governador César Messias entregaram na manhã desta terça-feira, 29, dez ambulâncias ao Samu (Gleilson Miranda/Secom)

O governador Tião Viana e o vice-governador César Messias entregaram na manhã desta terça-feira, 29, dez ambulâncias ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A solenidade aconteceu em frente ao Quartel da Polícia Militar e reuniu socorristas do Samu, a secretária de Saúde, Suely Melo, vereadores e os deputados Élson Santiago, Geraldo Pereira e Astério Moreira.

As 10 viaturas vão beneficiar seis municípios acreanos (Gleilson Miranda/Secom)
As 10 viaturas vão beneficiar seis municípios acreanos (Gleilson Miranda/Secom)

A coordenadora do Samu, Lúcia Carlos, informou que as 10 viaturas serão para beneficiar seis municípios. “Nós vamos tirar desses municípios as viaturas que já não têm mais condições de trafegabilidade e entregar essas viaturas novas, com equipamentos novos, para garantir a qualidade nos nossos serviços”, adiantou.

Lúcia Carlos agradeceu o apoio do governador Tião Viana no empenho para manter o Samu em bom funcionamento para atender a comunidade. Ela lembrou que o governador foi um dos que lutou, em Brasília, para trazer o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ao Acre, ainda na gestão do ex-presidente Lula.

Lúcia Carlos agradeceu o apoio do governador Tião Viana (Gleilson Miranda/Secom)
Lúcia Carlos agradeceu o apoio do governador Tião Viana (Gleilson Miranda/Secom)

Tião Viana ressaltou que o Acre é o único Estado que já implantou o Samu com toda regulamentação necessária. “Nenhum outro Estado conquistou isso. Estamos chegando a um ponto de qualidade cada vez melhor porque os jovens que atuam no Samu, coordenado pela Lúcia e pela secretaria de Saúde [Suely Melo], reduziram as ocorrências graves com apoio da PM, do Detran, Corpo de Bombeiros e outras instituições em 32%. Estamos começando a reduzir despesas por violências no trânsito”, acrescentou Tião.

Tião Viana ressaltou que o Acre é o único Estado que já implantou o Samu com toda a regulamentação necessária (Gleilson Miranda/Secom)
Tião Viana ressaltou que o Acre é o único Estado que já implantou o Samu com toda a regulamentação necessária (Gleilson Miranda/Secom)

Novos investimentos

A secretária de Saúde, Suely Melo, revelou durante a solenidade que o governador Tião está pleiteando outras três novas ambulâncias de suporte avançado para atender a região de Brasileia, Juruá e Baixo Acre. Segundo a secretária, são viaturas traçadas para atender localidades de difícil acesso.

A secretária de Saúde, Suely Melo, em discurso durante a solenidade (Gleilson Miranda/Secom)
A secretária de Saúde, Suely Melo, em discurso durante a solenidade (Gleilson Miranda/Secom)

“Além do trabalho com as ambulâncias, o Samu presta atendimento domiciliar, assistindo cerca de 50 pacientes diariamente. São profissionais do nutricionista ao médico”, observou Suely Melo.

O deputado estadual Astério Moreira destacou que os parlamentares ajudaram a viabilizar toda a estrutura que funciona integrada. “Para nós é motivo de alegria, de satisfação. Para mim, pessoalmente, é um sentimento de dever cumprido por ajudar a viabilizar esses projetos que dão resultados”, disse Moreira.

O deputado estadual Astério Moreira destacou que os parlamentares ajudaram a viabilizar toda a estrutura, que funciona integrada (Gleilson Miranda/Secom)
O deputado estadual Astério Moreira destacou que os parlamentares ajudaram a viabilizar toda a estrutura, que funciona integrada (Gleilson Miranda/Secom)

O Samu no Acre

Em agosto de 2004 foi publicada uma portaria pelo Ministério da Saúde que dava início à implantação do componente móvel de urgência com a criação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, Samu -192. Mais que uma ação de saúde, um ato de dedicação e entrega.

Assim pode ser definido o trabalho realizado pela equipe multidisciplinar do Samu no Acre, que faz parte do Programa de Atendimento Domiciliar (PAD), uma iniciativa do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado de Saúde e que tem o objetivo de proporcionar assistência e vigilância à saúde em domicílio aos usuários do SUS que possuam problemas de saúde, dificuldade ou impossibilidade física de locomoção provisória ou permanente, com garantia de continuidade de cuidados integrados à rede de assistência.

Há oito anos no Estado, o Samu realiza tarefas diárias que vão muito além dos atendimentos de urgência (Angela Peres/Secom)
Há oito anos no Estado, o Samu realiza tarefas diárias que vão muito além dos atendimentos de urgência (Angela Peres/Secom)

Há oito anos no Estado, o Samu realiza tarefas diárias que vão muito além dos atendimentos de urgência. Visitas são feitas às casas de pacientes acamados que necessitam de cuidados especiais. Os cuidados são os mais variados – de curativos, preparação e aplicação de medicamentos a consultas médicas e fisioterapias. A equipe é composta por médicos, fisioterapeuta, nutricionista, técnicos de enfermagem e enfermeiros.

Os desafios são muitos, mas o comprometimento desses profissionais é maior em busca de resultados. Esses desafios geralmente são compensados com o simples sorriso de um paciente e a gratidão de muitos pais ao terem seus filhos assistidos pelo programa. É  nítido o envolvimento das famílias com as pessoas que desenvolvem o trabalho determinado pelo PAD, uma vez que os pacientes são atendidos dentro de seu ambiente familiar.

Fonte: Agência Acre

 

 

Comentários