Homem mata mulher com 13 facadas na frente dos 2 filhos menores

Leidiane Rebouças do Nascimento, 23 anos, foi assassinada com 13 facadas aplicadas pelo marido
Leidiane Rebouças do Nascimento, 23 anos, foi assassinada com 13 facadas aplicadas pelo marido

A dona de casa Leidiane Rebouças do Nascimento, 23 anos, foi assassinada com 13 facadas. Os golpes teriam sido desferidos pelo marido Antônio José Barbosa da Cruz, 44 anos, mais conhecido pelo apelido de ‘Zé da Manivela’. O crime aconteceu por volta das 5h da manhã de sábado, 15, na residência do casal, localizada na Rua da Melância, bairro Montanhês.

De acordo com informações, o casal estava junto há mais de 7 anos. Neste período, Leidiane teve 2 filhos, uma menina de 4 anos e um menino de 1 ano e 8 meses, que assistiram o crime. Segundo familiares da vítima, ciúmes teria sido a motivação para a barbárie. Em julho deste ano, o casal havia se separado devido às constantes agressões praticadas pelo marido. Na época da separação, o casal morava no município de Porto Acre. Para forçar a mulher voltar a morar com ele, Antônio da Cruz teria vindo morar em Rio Branco e trouxe consigo a menina de 4 anos, filha do casal.

Há cerca de 2 meses, por insistência de ‘Zé da Manivela’, Leidiane resolveu dar outra chance para o marido e veio morar em Rio Branco. Só que o ciúme de Antônio não diminuiu e as agressões continuaram, até que madrugada de sábado ele decidiu por fim à vida da mulher. A dona de casa foi atingida com 13 facadas e ainda chegou a ser socorrida por uma equipe do Samu. Ela foi encaminhada ao Pronto Socorro de Rio Branco, onde deu entrada em estado gravíssimo.
Por volta das 19h, a mulher não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu na UTI daquela unidade hospitalar.

O acusado fugiu, deixando as duas crianças sozinhas em casa, após terem testemunhado o crime que ceifou a vida da mãe. A jovem assassinada já teria denunciado o marido quatro vezes na Delegacia de Porto Acre e Delegacia da Mulher (Deam) e não conseguiu realizar o que tanto sonhava. Na carta escrita por Leidiane, ela deixa explícito que o seu maior desejo era de ser feliz.

Comentários