Incra libera R$ 700 mil em créditos para Associação de produtores de Brasiléia

ASSESSORIA

A superintendência do Incra no Acre participou na manhã de segunda-feira, 11, da Assembleia Geral da Associação dos Moradores e Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes – Amopreb que aconteceu no Centro Cultural Sebastião Dantas, em Brasiléia.

O objetivo da reunião, realizada pela associação a pedido do Incra, foi para discutir com os associados como serão empregados os R$ 700 mil liberados pelo órgão à Amopreb, recurso esse oriundo de juros de créditos liberados aos produtores rurais da Resex Chico Mendes.

De acordo com o superintendente do Incra no Acre, Eduardo Ribeiro, entre os anos de 2011 a 2013, cerca de 148 famílias foram beneficiadas com a aplicação de créditos do governo Federal por meio do Incra em duas modalidades, o Apoio Inicial e a Aquisição de Material de Construção, nos valores de R$ 2,4 mil e R$ 15 mil respectivamente, o que gerou um montante no valor de mais de R$ 2,5 milhões depositados na conta da Amopreb. Com esse recurso na conta da associação a aplicação financeira foi rendendo juros e como resultado dessa aplicação chegou ao valor de R$ 700 mil, que, agora será liberado, e usado na aquisição de maquinários e implementos para a associação.

“Estamos satisfeitos com o resultado disso tudo, tivemos que batalhar para conseguir a liberação desse recurso que estava para ser devolvido aos cofres da União. Foram várias viagens a Brasília e graças a Deus e ao empenho dos servidores do Incra estamos hoje anunciando a liberação desse dinheiro. Esses R$ 700 mil serão usados na compra de maquinários e implementos que contemplarão todos os associados”, comemorou Ribeiro.

Para a atual presidente da Amopreb, Luíza Carlota, a liberação do recurso fortalecerá ainda mais a associação e proporcionará aos seus associados garantir melhores condições de trabalho.

“O resultado da liberação desse crédito é que os nossos associados terão maiores e melhores condições de trabalho e garantirão uma melhor renda, já que vamos empregar todo esse montante na compra de equipamentos que beneficiarão os próprios associados”, enfatizou.

Durante a Assembleia Geral de anuncio da liberação dos créditos, os associados da Amopreb decidiram como será empregado o recurso. Os produtores aprovaram por maioria a compra dos equipamentos entre os quais, um caminhão, uma camionete, e maquinário para beneficiamento de produtos como peladeiras e trituradores, entre outros.

Comentários