Moradores do Pólo Agro florestal do Nari Acampam na SEAPROF para Resolver problema da Falta de Água

DSC_0704

Cerca de 35 famílias resolveram na manhã desta sexta dia 17 acampar na Sede da Seaprof de Epitaciolândia para reivindicar de urgência que seja resolvido o problema da falta d’água no Pólo Agro /florestal conhecido como “Quitais Florestais”, consta que após vários meses de débitos a Eletrobrás suspendeu o fornecimento de energia impossibilitando o bombeamento de água para as propriedades.

Luis Mendes teve pedido negado pelos moradores
Luis Mendes teve pedido negado pelos moradores

Segundo um dos moradores tem muitas plantações de hortaliças e criação de pequenos animais que está sendo prejudicado por falta d’água, o Responsável pela Seaprof em Epitaciolândia Sr. Luiz Mendes afirmou que conversou como Secretário Estadual Lourival Marque e que mesmo assumiu o Compromisso de sanar os débitos de conta de luz até o início da semana, Luiz Mendes pediu ainda que os Produtores retornassem para suas residências, o pedido foi negado e segundo uma das moradoras só sairiam do prédio após o problema ter sido totalmente resolvido.

O Prefeito André Hassem através da Secretaria de Produção disponibilizou Alimentação caso fosse necessários e ainda colocou a disposição um Caminhão Pipa para que seja abastecida as residências até que a energia seja restabelecida após o pagamento por parte da Seaprof.

Os produtores pretendem permanecer no prédio até no inicio da semana até que seja resolvido o problema de falta d’água definitivamente.

DSC_0695

Comentários