Onze municípios acreanos utilizam processo de agendamento de consultas no HC

Os pacientes que moram no interior e necessitam de atendimento mais especializado não precisam se deslocar do município em que residem para marcar consulta em Rio Branco. Isso porque onze municípios acreanos já estão utilizando o processo de agendamento de consultas para o Hospital das Clínicas do Acre.

Por meio do processo de regulação, implantado em julho deste ano, os usuários dos serviços de saúde dos municípios não têm mais que se deslocar até a capital para agendar consultas. O agendamento já é feito em Epitaciolândia, Capixaba, Manoel Urbano, Porto Acre, Assis Brasil, Sena Madureira, Brasileia, Plácido de Castro, Xapuri, Senador Guiomard e Bujari.

Para utilizar este benefício, o paciente deve procurar as secretarias municipais de Saúde, com o encaminhamento em mãos, para que o agendamento seja feito. Cada secretaria agenda a consulta e informa ao paciente a data de atendimento.

“O processo de regulação do acesso do usuário ao sistema de saúde é um trabalho desenvolvido pelo governo do Estado, em parceria com os municípios, que consiste em organizar e planejar a oferta de bens e serviços de saúde de acordo com as necessidades da população”, garantiu Ana Cristina Moraes, coordenadora da Central de Regulação Ambulatorial do Estado.

O processo de regulação no Estado do Acre foi iniciado pela regulação de urgência, em agosto de 2004. A regulação de internação e cirurgias eletivas se deu a partir de 20 de novembro de 2012. A regulação para consultas e exames está sendo implantada, gradativamente, em todos os municípios, desde julho deste ano.

Da redação, com informações da Agência de Notícias do Acre

Comentários