Petecão denuncia péssimas condições da BR-317 à Comissão de Infraestrutura

O senador convidou os membros da comissão para percorrer a estrada entre Rio Branco e os portos peruanos.

Num desabafo feito nesta quarta-feira (5), durante a audiência pública sobre Investimentos e Gestão de Logística, realizada na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) do Senado Federal, senador Sérgio Petecão (PSD) voltou a apontar as péssimas condições da BR-317 em território acreano. Conhecida também como via Transoceânica, a estrada liga o Brasil aos portos peruanos do oceano pacífico.

Para o senador, a BR-317 precisa de reparos urgentes para retomar o tráfego normal como também para garantir o mínimo de segurança aos usuários.

Para o senador, a BR-317 precisa de reparos urgentes para retomar o tráfego normal como também para garantir o mínimo de segurança aos usuários/Foto: O Alto Acre
Para o senador, a BR-317 precisa de reparos urgentes para retomar o tráfego normal como também para garantir o mínimo de segurança aos usuários/Foto: O Alto Acre

A audiência pública contou com a participação de especialistas de infraestrutura dos transportes, como o professor Luiz Afonso dos Santos Senna, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Wagner Ferreira Cardoso, secretário executivo da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Petecão procurou se inteirar junto a Cardoso acerca dos dados sobre as exportações de produtos brasileiros através da Transoceânica. Os especialistas afirmaram que o caminho para melhorar a infraestrutura dos transportes no Brasil passa obrigatoriamente pela parceria com a iniciativa privada. Disseram ainda que se o Brasil quiser ter competitividade econômica, precisa melhorar a infraestrutura em curto prazo.

Sérgio Petecão insistiu que a BR-317 precisa de recursos para recuperara rodovia do lado brasileiro, dentro do território acreano, a fim de estimularas exportações e não se tornar simplesmente um corredor turístico.

O senador convidou os membros da comissão para percorrer a estrada entre Rio Branco e os portos peruanos, com o objetivo de conhecer in loco a rodovia e julgar sua capacidade como via de exportação.

O presidente da Comissão, senador Fernando Collor, e seus demais membros acolheram o apelo, e deverão acertar em breve a agenda para a visita.

Fonte:

 

Comentários