Polícia Civil com apoio da Polícia Militar apreende adolescente por tentativa de homicídio

Após desentendimento, adolescente efetuou cinco disparos contra desafeto e foi para a casa da namorada.
Após desentendimento, adolescente efetuou cinco disparos contra desafeto e foi para a casa da namorada.

Da redação, com Assessoria da 2ª Cia PM de Xapuri

Ontem – terça-feira – por volta das 10h00min, próximo a praça Getúlio Vargas, área central da Cidade, houve uma tentativa de homicídio.

Segundo relato da vítima, Djailson Ferreira Miranda, 18 anos, trafegava em uma bicicleta quando o menor U.J.M, de 17 anos, aproximou-se e após uma breve discussão, o acusado sacou um revólver e efetuou, aproximadamente, cinco disparos na direção da vítima. Djailson foi atingido na região do tórax por um dos disparos. Por sorte ou intervenção divina, o projétil não teve força suficiente e deixou apenas um hematoma na altura do peito da vítima.

Após cometer a tentativa de homicídio, o menor evadiu-se do local em direção ao Bairro Braga Sobrinho, mais conhecido por Bairro da Bolívia. As Polícias Militar e Civil após serem acionadas, iniciaram as buscas na tentativa de apreender o menor infrator e a arma usada por ele. No local da ocorrência foi localizado um projétil disparado pela arma do adolescente.

Arma usada na tentativa de homicídio.
Arma usada na tentativa de homicídio.

Em seguida aos fatos, a Polícia Civil iniciou as investigações no intuito de localizar o infrator. Fizeram várias diligências e acompanhamentos e por volta das 19hs do mesmo dia, localizaram o adolescente na casa da sua namorada.

A Polícia Militar foi acionada para dar apoio e realizar o cerco à residência de maneira que a fuga do menor fosse impossível. Assim foi procedido e iniciou-se a negociação com o autor, pois havia a suspeita que ele ainda estaria armado.

Depois de muito diálogo e confirmação que o adolescente não estava armado, as guarnições da PC e PM entraram na residência e efetuaram a apreensão do menor. Após a apreensão do jovem, levou os polícias ao local onde havia escondido a arma do crime.

Em seguida, o adolescente foi encaminhado para a Delegacia Geral de Xapuri juntamente com a arma para os procedimentos de rotina. Essa ocorrência evidência a importância do trabalho integrado entre os órgãos de segurança pública.

 

Comentários