Conecte-se conosco

Acre

Acidente com espingarda mata ancião com tiro no peito em Xapuri

Publicado

em

Seu Severino agonizou pelo chão da casa após ser atingido pelo disparo da espingarda

Seu Severino agonizou pelo chão da casa após ser atingido pelo disparo da espingarda

IAMGENS FORTES

Alexandre Lima

Um possível acidente em manusear uma velha espingarda calibre 20, pode ter sido a causa da morte do ancião Severino Alves da Silva, de 82 anos, ocorrido na manhã desta segunda-feira, dia 21, na zona rural da cidade de Xapuri, distante cerca de 16 quilômetros do Bairro Sibéria.

A tragédia, segundo o perito criminal, pode ter ocorrido quando a vítima preparava a arma que tem mais de 100 anos de fabricação que herdou de seu pai, para realizar uma caça nas redondezas. A vítima estaria em companhia de um amigo, também ancião de 99 anos que antes foi fazer uma capina e depois, acompanhar Severino.

Cerca de 20 minutos depois, se ouviu um disparo dentro da casa e foram ver o tinha acontecido e viram a tragédia. Ainda encontraram o ancião agonizando bolando no chão da casa, todo ensanguentado com o tiro no lado do peito esquerdo, próximo ao coração.

A arma de grosso calibre, fez um grande ferimento e o ancião não resistiu e morreu momentos após o disparo. Segundo o perito, leva a crer que Severino tenha carregado a arma e segurado pelo cano e pode ter batido o ‘cão’ na cama.

Devido o sistema ser antigo, pode ter voltado, batido na espoleta e disparado a queima roupa no peito da vítima. Severino era tido como uma pessoa calma e gostava da vida que tinha, pois não tinha qualquer motivo para cometer suicídio.

O corpo foi resgatado para o IML onde seria autopsiado e depois entregar aos familiares e ser sepultado. O caso poderá ser qualificado como acidente fatal doméstico.

Comentários

Acre

Polícia Civil investiga contas falsas em redes sociais para atacar honra de prefeito de Assis Brasil

Publicado

em

Prefeito Jerry Coreia e o vice Reginaldo Martins no dia da posse – Foto: arquivo/secom

A Procuradoria Jurídica do município de Assis Brasil ingressou com pedido de investigação contra contas falsas no Facebook e Instagram criadas para atacar a gestão e honra do prefeito e vice-prefeito de Assis Brasil. Os perfis investigados são contas falsas denominadas Zé de Assis, The Focus e Tríplice.fronteira_emtemporeal.

Segundo o Código Penal os criminosos uma vez identificados podem pegar até um ano de reclusão. A Constituição Federal defende a liberdade de expressão, mas veda o anonimato.

Segundo o Procurador Jurídico do município, Giordano Simplício, hoje em dia esse tipo de crime tornou-se fácil de identificar seus autores, por conta dos avanços tecnológicos e o treinamento especializado dos agentes.

“É bom lembrar que comete crime tanto quem cria perfis falsos como quem compartilha esse tipo de ilícito. Já existe no Acre uma Delegacia especializada em crimes cibernéticos”, disse o procurador.

Comentários

Continue lendo

Acre

Após apreensão, comandante de Pando devolve motocicleta roubada ao lado brasileiro

Publicado

em

Na data de ontem, 19, o comandante do departamento de Polícia de Pando fez a devolução de uma motocicleta denunciado como roubado no lado brasileiro.

A motocicleta foi recebida pela Polícia Civil, através do Delegado Ricardo Castro que em seguida foi devolvida ao proprietário do veiculo.

Comumente ambos os departamentos fazem a devolução de veículos para o país de origem, a parceria entre a polícia boliviana e brasileira tornou possível tal ato, o veiculo é devolvido ao proprietário sempre que o mesmo comprovar que o veiculo pertence a ele(a).

Comentários

Continue lendo

Acre

Alan Rick destaca assistência médica nos rincões do país

Publicado

em

Em entrevista ao programa Jogo Rápido, da Agência Câmara de Notícias, o deputado Alan Rick ressaltou a importância da assistência médica integral nos municípios mais distantes dos grandes centros urbanos.

“Um dos grandes desafios do Brasil é garantir o provimento médico nos lugares mais distantes, nos municípios mais pobres, nas áreas de mais necessidade. E foi pensando nisso que em 2016 apresentei emenda à lei do programa Mais Médicos, que hoje possibilita que os brasileiros formados no exterior tenham prioridade na contratação”, disse o parlamentar.

Segundo ele, os médicos formados no exterior são aqueles que permanecem nas unidades de saúde.

Comentários

Continue lendo

Em alta