São vários relatos registrados durante a madrugada deste domingo, dia 26. Carros balançaram, camas, pessoas nas ruas e casas. Brasileia, Cruzeiro do Sul, Feijó, Marechal Thaumaturgo, Tarauacá e Plácido de Castro, os moradores também relatam o susto, até no estado do Amazonas.

O terremoto de magnitude 8.0, foi registrado às 2h41, sendo sentido no Peru, Equador, Brasil e Colômbia. De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos, foi o terremoto mais forte que o planeta já registrado este ano.

O epicentro do tremor foi a 114 quilômetros de profundidade, na localidade de Lagunas, na região do departamento de Loreto, no norte do Peru. A magnitude do evento sismico foi equivalente a explosão 750 bombas atômicas.

Desde 1979, foram registrados 51 tremores em um raio de 100 km ao redor do epicentro. O sismo mais próximo foi registrado a 12 km, no dia 31 de julho de 1997 e atingiu 4.1 magnitude na escala Richter.

O tremor mais significativo ocorreu em Brasil, a 211 km de Tarauacá no dia 24 de novembro de 2015, a 661 km de distância do evento atual e atingiu 7.6 magnitudes.

 

 

Comentários