A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou nesta sexta-feira, 26, que a  bandeira para o mês de junho será verde nas conta de luz no Acre, sem custo para os consumidores, contrariando projeções anteriores de que os custos da fatura seriam os mais altos até o fim do ano.

Os fatores que contribuíram para o retorno da bandeira verde foram a maior afluência das vazões que chegaram aos reservatórios das hidrelétricas em maio de 2017 e a perspectiva de redução do consumo de energia elétrica.

Segundo o relatório do Programa Mensal de Operação (PMO) do Operador Nacional do Sistema (ONS), o valor da usina térmica mais cara é de R$ 155,85/MWh, o que indica bandeira verde, válida para todo o País.
Criado pela ANEEL, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o usconsciente da energia elétrica.

O funcionamento das bandeiras tarifárias é simples: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração de eletricidade.

Comentários