Agentes de Policia Civil recebem capacitação para investigação de homicídios

Sandro de Brito/ Ascom - Sepc

Iniciou na manhã desta terça-feira, 21, aula inaugural do curso de Investigação de Homicídios com aprimoramento de técnicas para policiais da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoas (Dhpp). Idealizado pelo Grupo de Treinamento Policia (GTP) da Polícia Civil a capacitação trata desde fundamentos e metodologia a recognição Visuográfica.

O curso faz parte do planejamento da capacitação continuada da Polícia Civil e terá 32horas/aula com nove disciplinas. Nesta etapa cinquenta policiais da capital e do interior participam do aperfeiçoamento, com a responsabilidade de serem  multiplicadores em suas unidades de atuação.

Dentre as disciplinas que serão ministradas  estão: Fundamentos e Metodologias do Homicídio, Investigação Criminal, Provas Correlatas ao Crime de Homicídios, Planejamento Operacional, Preservação do local de crime, Técnicas de entrevista, estudo de caso, Relatório Policial, Parâmetros do Homicídio e Recognição Visuográfica.

Para o secretario de segurança, Emylson Farias, a capacitação é a chave para prestação de um serviço de melhor qualidade a população.

“O aperfeiçoamento da doutrina é fundamental para que cada vez mais possamos chegar a autoria do crime, além de evitar que eles ocorram. Esse é o caminhar, esse é o cuidado. Investimento em infraestrutura, investimento em pessoal e capacitação é o tripé para que continuemos avançando na segurança pública”, Emylson Farias.

Para Carlos Flávio Portela, secretário de Polícia Civil o objetivo é treinar todo o efetivo no decorrer de 2017. “Assim como fizemos nos anos anteriores para que tenham conhecimento de todas as técnicas disponíveis trabalhando de forma célere, ofertando um serviço nobreza a sociedade”, explicou.

 

Comentários