Vítima não resistiu ao corte em seu pé.

O agricultor Ademar dos Santos Silva, de 47 anos, que morava no km 52 da BR 317 (Estrada do Pacífico), estava trabalhando em uma roçagem de cerca distante aproximadamente 5 km de sua casa, teve quase todo o pé decepado quando uma das lâminas cortou próximo ao tornozelo direito.

Vítima tinha 47 anos…

‘Mazinho’, como era conhecido, cuidava de um comercio localizado às margens da BR 317, juntamente com sua esposa e filhos. As informações ainda são desencontradas, mas, o mesmo teria tentado dirigir até a cidade sozinho e morreu dentro do próprio veículo após perder muito sangue.

Segundo as primeiras informações obtidas com o agente da Polícia Civil de Brasiléia que está cuidando do caso, a vítima estaria trabalhando em uma cerca e fazia a roçagem no local, quando uma das lâminas bateu em algo e soltou.

O corte acertou praticamente na articulação do pé e cortou quase por completo. Mazinho ainda teve tempo de chegar numa casa próxima e pediu socorro para que alguém dirigisse sua pick-up até o hospital, já que perdia muito sangue.

Como teria de esperar um pouco até a chegada do filho da senhora, resolveu ir por conta própria, mas, logo a frente teria perdido a consciência e desmaiou. A mulher correu até a sua casa cerca de 5 km do local e chamou por seu cunhado.

Quando chegaram no carro, já teriam encontrado o colono sem vida. A Lâmina da roçadeira foi localizada na carroceria do carro e o corpo de Mazinho foi levado para o hospital de Brasiléia, onde os familiares e amigos aguardavam a decisão das autoridades para saber se seria transladado para o IML na Capital.

Até o momento, os agentes civis estão trabalhando com a primeira hipótese de fatalidade.

Mais informações a qualquer momento.

Comentários