333

O deputado federal Alan Rick (PRB) participou nesta terça-feira (28), em Brasília, de uma audiência com a assessoria do Ministro Marcos Pereira, na sede do Ministério do Desenvolvimento, Industria e Comércio Exterior. O parlamentar acompanhou a comitiva dos servidores da Suframa formada pelo presidente do Sindicato, Gilvânio Paiva, e pelos conselheiros administrativos do Sindframa, Paulo Andrade e Andres Pascal. Na pauta, a reestruturação administrativa e da carreira dos servidores da Suframa.

“Levamos ao Marcos Jorge, chefe de gabinete do ministro, a preocupação em relação à carreira. A reestruturação prevista no PL 4253/2015, que atualiza várias carreiras federais, e que já foi aprovado na Câmara, está agora no Senado. Se aprovado, segue para a sanção do Presidente da República, Michel Temer. A luta é para que quando chegar ao chefe do Executivo não sofra veto na matéria da Suframa”, explicou Alan.

Na ocasião também foi apresentada a situação dos servidores de nível médio do órgão e que ainda não foram contemplados com o reajuste igualitário. Só no Acre correspondem a 90% do quadro de pessoal.

“Nosso objetivo é o de garantir que seja aprovado nosso plano de carreira sem o risco do veto do presidente porque é uma luta antiga da categoria. Isso é uma forma de valorização do servidor da Suframa que atua em diversos Estados. Precisamos também valorizar a carreira de nível médio, que foi desprestigiada nesse momento. E contarmos com o apoio do deputado Alan Rick nos fortalece muito, afinal vamos conseguir valorizar os servidores dessas áreas”, explica o presidente do Sindframa, Gilvânio Paiva.

Outro assunto tratado na reunião foi a reestruturação administrativa da Suframa. E o Ministro está atento a essa questão. O órgão vem sofrendo desde 2003 com o contingenciamento dos recursos que arrecada com a Taxa de Serviço Administrativo (TSA) e está com sua estrutura precária. Os servidores estão sem condições de trabalho e as ações de melhoria dependem do retorno dessa taxa, quando seria garantido o mínimo de recurso para investimento administrativo.

“Recebemos a informação de que o Ministro Marcos Pereira vai buscar fortalecer não só a carreira dos servidores como a própria instituição. A TSA deve voltar através de Medida Provisória para que a Suframa tenha novamente sua principal fonte de financiamento para realizar vários investimentos nos estados da Região Norte”, garante o deputado.

Comentários