Deputados Moisés e Tchê cobram explicações da empresa e do governo
Deputados Moisés e Tchê cobram explicações da empresa e do governo

O vice-presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Moisés Diniz (PCdoB), usou a tribuna da casa legislativa na manhã de terça-feira (28) para apresentar uma Indicação, solicitando explicações sobre os procedimentos comerciais da empresa BR Distribuidora na compra de álcool da Usina Álcool Verde.

A Indicação de Diniz solicita que as informações referentes ao processo comercial da empresa sejam encaminhadas pelo diretor-presidente aos técnicos da casa legislativa acreana.

“O pedido se deve ao fato de o álcool, que é produzido pela Usina Álcool Verde e consumido no Acre, tenha que ser recebido pela base da BR Distribuidora em Porto Velho, encarecendo o produto, devido ao transporte de mais de mil quilômetros, ida e volta”, diz o texto do documento que foi protocolado junto à Mesa Diretora da Aleac.

Moisés afirma que é necessário conhecer os trâmites de compra do produto para entender o valor final do mesmo.

Vale ressaltar que o álcool produzido pela usina com sede no Acre não pode distribuir diretamente aos postos, precisando repassar o combustível à BR Distribuidora para depois retornar ao Acre, já com o preço encarecido.
O parlamentar afirma que caso as informações não sejam fornecidas a contento, será organizado um protesto, bloqueando o trânsito na BR 364.

O líder do PDT na Casa, Luiz Tchê, afirmou que considera que não seja apenas a BR Distribuidora que deva explicações sobre o assunto.

Tchê afirmou que o governo do Acre deve esclarecimentos sobre o assunto, haja vista que possui 5% do empreendimento da Usina Álcool Verde.

Da ContilNet Notícias

Comentários