Comissão dos comerciantes da fronteira foram recebidos na ALEAC - Foto: Alexandre Lima
Comissão dos comerciantes da fronteira foram recebidos na ALEAC – Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima, de Rio Branco

Uma grande peregrinação ocorrida nesta quarta-feira, dia 12, organizada pela Associação Comercial e Empresarial de Brasiléia e Epitaciolândia – ACEBRA, representado pelo presidente Joaquim Lira e Sindicato dos Comerciantes de Brasiléia – SINCOBRAS, Júnior Revollo, juntamente com alguns empresários, visitaram a capital do Acre para cumprir uma extensa agenda organizada pelo deputado Luiz Tchê (PDT).

A primeira parada dos empresários, aconteceu na Assembleia Legislativa do Acre – ALEAC, onde foram recebidos por uma comissão de deputados na Sala de Sessão, onde foi discutido assuntos relevantes aos impostos emitidos pelo Estado e tratamento dados por parte dos Bancos no Município de Brasiléia e Epitaciolândia.

Ficou resumido que, será criado uma comissão especial com os deputados para visitar a fronteira com dada a ser marcada. Neste encontro, foi resolvido que essa comissão irá convidar ou visitar as superintendências dos Banco do Brasil e Caixa Econômica para tentar resolver as questões relacionadas ao comércio de Brasiléia e Epitaciolândia.

Gerente regional da Caixa Econômica Federal, senhor Enéias Duarte Tolentino (e), recebeu os empresários - Foto: Alexandre Lima
Gerente regional da Caixa Econômica Federal, senhor Enéias Duarte Tolentino (e), recebeu os empresários – Foto: Alexandre Lima

Em seguida, foram recebidos pelo gerente regional da Caixa Econômica Federal, senhor Enéias Duarte Tolentino, onde falaram dos problemas em que alguns empresários já que passaram pela alagação de 2012 e ainda não conseguiram uma renegociação junto às instituições financeiras.

Enéias se comprometeu em se reunir com empresários na próxima semana na cidade de Brasiléia, para que pudesse estudar cada caso especificamente e pudesse realizar um reescalonamento e/ou repactuação, onde os comerciantes poderão ter um prazo seguido de carência para poder respirar.

Presidente da ACEBRA, Joaquim Lira (e), recebeu boas notícias do desembargador/corregedor do TJ/AC, Senhor Pedro Ranzi (d), durante o encontro - Foto: Alexandre Lima
Presidente da ACEBRA, Joaquim Lira (e), recebeu boas notícias do desembargador/corregedor do TJ/AC, Senhor Pedro Ranzi (d), durante o encontro – Foto: Alexandre Lima

Finalizando o dia, já com a presença do deputado Jamil Asfury (PEN), a comitiva foi recebida pelo corregedor do Tribunal de Justiça do Acre, o desembargador /corregedor, doutor Pedro Ranzi, em seu gabinete.

A pauta em questão, seria os 1400 títulos definitivos a serem liberados pelo cartório da Comarca. Além dos comerciantes e do corregedor, a reunião contou com a presença do presidente Associação dos Notários e Registradores do Acre (Anoreg/AC), senhor Ricardo de Vasconcelos Martins, para falar do assunto.

Foi entregue ao Senhor Pedro Ranzi, a licença ambiental do Seringal Carmem e Nazaré, onde o cartório de Brasiléia fica apto a registrar e liberar os títulos definitivos aos moradores do Município, seguido do compromisso por parte do magistrado o prazo até o final do mês corrente, a finalização por parte do TJ/AC à ACEBRA.

Em tempo, com a liberação dos títulos definitivos, os munícipes de Brasiléia poderão buscar as instituições bancárias e até mesmo, realizar a compra e venda de seus lotes. Assim, irão movimentar e fomentar o comércio local.

Finalizando, o presidente da ACEBRA, Joaquim Lira, recebeu as boas novas do desembargador Pedro Ranzi, de que será utilizado uma verba indenizatória que se encontra no Tribunal, a ser custeado na gratuidade dos primeiros títulos junto ao cartório.

presidente Associação dos Notários e Registradores do Acre, senhor Ricardo de V. Martins, entregou a licença ambiental ao Senhor Pedro Ranzi - Foto: Alexandre Lima
presidente Associação dos Notários e Registradores do Acre, senhor Ricardo de V. Martins, entregou a licença ambiental ao Senhor Pedro Ranzi – Foto: Alexandre Lima

Comentários