Pesquisa foi feita em Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Sena, Tarauacá, Feijó e Brasiléia

acreanos avaliam a gestão de Jair Bolsonaro como regular; 29,4% boa; 14,0% péssima; 10,3% ótima; 5,9% ruim. 4,9% não souberam responder. Foto: Fábio Motta.
EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

O cenário referente à satisfação e/ou à insatisfação dos acreanos com relação aos primeiros meses de mandato do presidente Jair Bolsonaro não é muito diferente da avaliação do governo de Gladson Cameli. Os números são parecidos.

A pesquisa encomendada pela Federação das Indústrias do Acre (Fieac), realizada pelo instituto Data Control, mostra que 35,5% dos acreanos avaliam a gestão de Jair Bolsonaro como regular; 29,4% boa; 14,0% péssima; 10,3% ótima; 5,9% ruim. 4,9% não souberam responder.

1200 pessoas foram entrevistas nos municípios de Cruzeiro do Sul, Sena Madureira, Tarauacá, Feijó e Brasiléia, além da capital Rio Branco, no prazo de 19 a 27 de outubro de 2019.

Comentários