Conecte-se conosco

Cotidiano

Câmara aprova retorno de gestantes ao trabalho presencial após imunização

Publicado

em

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (6) o Projeto de Lei 2058/21, que estabelece medidas sobre o trabalho de gestantes durante a pandemia, prevendo sua volta ao presencial após imunização. A proposta será enviada ao Senado.

De autoria do deputado Tiago Dimas (Solidariedade-TO), o texto muda a Lei 14.151/21, que garantiu o afastamento da gestante do trabalho presencial com remuneração integral durante a emergência de saúde pública do novo coronavírus.

O projeto foi aprovado na forma do substitutivo da relatora, deputada Paula Belmonte (Cidadania-DF), e garante o afastamento apenas se a gestante não tenha ainda sido totalmente imunizada (15 dias após a segunda dose). Hoje, não há esse critério.

Exceto se o empregador optar por manter a trabalhadora em teletrabalho com a remuneração integral, a empregada gestante deverá retornar à atividade presencial nas hipóteses de: encerramento do estado de emergência; após sua vacinação, a partir do dia em que o Ministério da Saúde considerar completa a imunização; se ela se recusar a se vacinar contra o novo coronavírus, com termo de responsabilidade; ou se houver aborto espontâneo com recebimento da salário-maternidade nas duas semanas de afastamento garantidas pela CLT.

Para a relatora, o texto garante o afastamento enquanto não há a proteção da imunização e também resolve o problema do setor produtivo. “Hoje, 100% está sendo pago pelo setor produtivo e, muitas vezes, o microempresário não tem condições de fazer esse pagamento. Várias mulheres querem retornar ao trabalho, pois muitas vezes elas têm uma perda salarial porque ganham comissão, hora extra”, disse Paula Belmonte.

O autor destacou as vantagens da solução encontrada. “O projeto assegura a saúde das gestantes e o afastamento dos casos necessários com sua renda integral, mas temos que tomar uma medida porque o empresário que está lá na ponta, tendo que garantir o salário do afastamento da gestante e contratando a substituta, não aguenta continuar pagando por isso”, ponderou Tiago Dimas.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Comentários

Cotidiano

Caio Souza é ouro nas barras paralelas em etapa da Copa do Mundo

Publicado

em

Campeã olímpica Rebeca Andrade é prata nas paralelas assimétricas

O brasileiro Caio Souza conquistou, neste domingo (25), a medalha de ouro nas barras paralelas da etapa de Paris (França) da Copa do Mundo de Ginástica Artística, evento que foi realizado na Bercy Arena, instalação esportiva que receberá os eventos da modalidade nos Jogos Olímpicos de 2024.

 

Além da medalha dourada nas paralelas, conquista que alcançou com uma nota 14.700, o atleta garantiu uma prata no salto sobre a mesa ao somar 14.575 pontos. Nesse aparelho, ficou atrás apenas do turco Adem Asil.

“Esses resultados mostram que o meu trabalho está sendo feito, e corretamente! Agora é voltar para casa e acertar os detalhes para subir mais um degrau”, disse Caio Souza.

Quem também brilhou foi a campeã olímpica e mundial Rebeca Andrade, que garantiu a prata nas paralelas assimétricas.

“Faço um balanço muito positivo sobre nossa participação nesta competição. Em alguns aparelhos nos quais havia cerca de 50 ginastas competindo, nossos meninos se classificaram nas primeiras colocações. Tivemos dois finalistas no salto e um no solo, argolas, barra e paralelas. Isso demonstra que nossa ginástica está entre as melhores do mundo. Agora é voltar para o Brasil e avaliar o que podemos melhorar para o Mundial”, declarou o coordenador de ginástica artística masculina da Confederação Brasileira de Ginástica, Marcos Goto.

Comentários

Continue lendo

Cotidiano

Brasil estreia com vitória no Mundial de vôlei feminino

Publicado

em

Seleção brasileira superou a República Tcheca por 3 sets a 1

O Brasil estreou com vitória no Campeonato Mundial de vôlei feminino, pois superou a República Tcheca por 3 sets a 1 (parciais 25/20, 25/16, 22/25 e 25/18), neste sábado (24) no Gelredome, em Arnhem (Holanda).

O grande destaque da partida foi a capitã da seleção brasileira, a ponteira Gabi. A atleta, que defende o Vakifbank, da Turquia, somou 24 pontos.

Agora, a equipe comandada pelo técnico José Roberto Guimarães mede forças com a Argentina, na próxima segunda-feira (26), a partir das 13h30 (horário de Brasília).

Comentários

Continue lendo

Acre

Corinthians goleia Inter para ficar com título do Brasileiro Feminino

Publicado

em

Brabas do Timão garantem quarta conquista da competição

O Corinthians goleou o Internacional por 4 a 1, na tarde deste sábado (24) na Neo Química Arena, para conquistar pela quarta vez na história o título do Campeonato Brasileiro Feminino (Série A1). No confronto de ida, em Porto Alegre, as Gurias Coloradas e as Brabas do Timão ficaram no 1 a 1.

Após as conquistas alcançadas em 2018, 2020 e 2021, o Corinthians contou com o apoio de sua apaixonada torcida para alcançar o tetracampeonato. 41.070 pessoas foram ao estádio em Itaquera para acompanhar a decisão, público que representa o novo recorde sul-americano da modalidade.

Jogando em casa, o Timão não demorou a balançar a rede adversária. Logo no segundo minuto de bola rolando Jaqueline cruzou para Gabi Zanotti, que conferiu de cabeça. Mas o lance acabou anulado pelo juiz com auxílio do VAR (árbitro de vídeo).

As Brabas do Timão continuaram mandando no confronto, mas as Gurias Coloradas foram mais eficientes aos 13 minutos, e abriram o placar em uma jogada de bola parada. Sorriso aproveitou uma sobra de bola após cobrança de escanteio para finalizar.

Porém, o domínio era mesmo do Corinthians, que igualou o placar aos 22 minutos, quando Jaqueline recebeu de Yasmim para bater de direita. A virada veio um pouco antes do intervalo, graças a Diany após cruzamento de Tamires.

As Brabas do Timão começaram o segundo tempo com tudo, e ampliaram a vantagem no primeiro minuto, graças a Vic Albuquerque. A equipe paulista deu números finais ao confronto já aos 46 do segundo tempo, com Jhenifer. A partir daí a torcida fez a festa na Neo Química Arena.

Comentários

Continue lendo

Em alta