Caminhão caiu em barranco com mais de 5 metros de altura, virando por várias vezes com o motorista dentro da boleia e qeu foi a óbito.
Alexandre Lima, com Almir Andrade
Seu Valdir não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O motorista identificado como Valdir Souza Lima, de 63 anos, foi a óbito na manhã desta quinta-feira, dia 15, quando o caminhão que dirigia e transportava sal para a cidade de Brasiléia pela BR 317, saiu da estrada e caiu em um barranco cerca de 5km próximo ao entroncamento de acesso à cidade de Xapuri.

Segundo foi apurado, o caminhão pode ter caído de uma altura de mais de cinco metros, após ter capotado por algumas vezes com o motorista dentro da boleia e parar com as rodas para cima. Seu Valdir ficou preso entre as ferragens.

Mesmo com o acionamento dos socorristas do 5º Batalhão dos Bombeiros do Alto Acre, localizado a 45km na cidade de Epitaciolândia, não foi possível resgatar Valdir com vida. Restou apenas realizar uma pequena operação para a retirada do corpo de dentro da cabine.

Corpo do motorista foi regatado pela equipe dos Bombeiros…

Inicialmente, se acredita que o motorista apossa ter dormido ao volante, uma vez que o local é uma reta, sem nenhum buraco e foi deixado um rastro até o local do tombamento no barranco.

O caso está nas mãos das autoridades dos Bombeiros e Polícia Rodoviária Federal. Um trator foi usado para ajudar na retirada da carga que ficou espalhada no local, além do caminhão.

Veja vídeo reportagem com Almir Andrade.

Comentários