Milhares de fieis ao santo protetor dos animais, foram até o santuário de São Francisco - Foto: Alexandre Lima
Milhares de fieis ao santo protetor dos animais, foram até o santuário de São Francisco – Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima

O dia São Francisco, santo protetor dos animais e padroeiro de várias cidades do Brasil, onde se inclui Brasiléia (Acre), foi um dia atípico. Como tradição, a igreja católica de Nossa Senhora das Dores, promove a procissão que sai do centro da cidade, até o santuário localizado no km 5 da BR 317, Estrada do Pacífico e teve o apoio da Polícia Militar e Detran.

O evento que começa tímido ao sair da igreja no centro da cidade, foi criando corpo durante o trajeto. A tradicional roupa dos pagadores de promessa, ainda resiste com alguns fieis católicos que vão pagar as graças alcançadas, enquanto outros, somente pelo momento.

Fieis acompanharam a procissão pelas ruas da cidade - Foto: Alexandre Lima
Fieis acompanharam a procissão pelas ruas da cidade – Foto: Alexandre Lima

O evento consegue reunir em média, cerca de cinco mil fieis que caminham até o santuário, com intuito de pagar promessas e graças alcançadas. Esse ano, a Igreja conseguiu erguer uma nova estrutura para que pudesse oferecer mais comodidades àqueles que foram visitar o local.

Aproveitando o evento, alguns candidatos viram como um grande momento para pedir votos e distribuir santinhos, acompanhados de seus cabos eleitorais, além de aproveitar para pedir a graça ao Santo, além ser eleito.

Após a chegada da imagem do Santo, foi realizado a Missa Campal, sob a coordenação do padre Gilson e seus ajudantes. A tradicional festa de São Francisco é um evento católico que teve uma grande agenda com duração de cerca de uma semana com arraial, bingo, leilão, comidas e bebidas típicas.

Santuário recebeu muitos fieis e participaram da missa campal - Foto: Alexandre Lima
Santuário recebeu muitos fieis e participaram da missa campal – Foto: Alexandre Lima

Comentários