Na noite de sábado (2), um casal de jovens do Bujari foi feito refém por bandidos.

Quando a equipe da viatura 01 do Samu iniciou o socorro, encontrou Alife Farias de Sousa, 24, sangrando muito.
COM CLÉRISTON AMORIM

Os criminosos estavam armados. O casal foi levado para o Ramal do Aquiles Peré, na Vila Aquiles Peré, com acesso pela BR-364 sentido Capital/interior.

Quando chegaram ao ramal, os acusados retiraram o casal do carro e efetuaram vários tiros no jovem, atingindo de raspão na cabeça e no braço. Logo em seguida, os bandidos efetuaram vários tiros na mulher. Os acusados fugiram do local.

O marido, mesmo baleado, conseguiu andar cerca de 200 metros até chega à BR-364. Ele pediu ajuda a pessoas que passavam pelo local. O Samu e a polícia chegaram rápido ao local do crime. Quando a equipe da viatura 01 do Samu iniciou o socorro, encontrou Alife Farias de Sousa, 24, sangrando muito.

Durante todo o atendimento, o rapaz lembrava-se da mulher, informando à equipe que ele estava no matagal ao lado do ramal. Os policias então foram até o local. Ao fazer uma procura nas margens do ramal dentro do matagal, encontraram o corpo da jovem. Ela já estava morta.

A jovem foi morta com vários tiros. Polícias do 4º Batalhão fizeram várias buscas na tentativa de prende os acusados. O corpo da jovem foi levado para o IML de Rio Branco.

Comentários