Jovem e seu namorado foram resgatados na camionete dos Bombeiros do 5º Batalhão do Alto Acre - Foto: Alexandre Lima
Jovem e seu namorado foram resgatados na camionete dos Bombeiros do 5º Batalhão do Alto Acre – Foto: Alexandre Lima

Mesmo com a chegada de uma nova, ambulâncias estavam na Capital e aparelho de raio-x está quebrado

Alexandre Lima

Não se engane, não é matéria repedida. As imagens que você irá ver abaixo são de um resgate de vítimas que se envolveram em um acidente entre um carro e uma moto, no Bairro Marcos Galvão I, localizado na parte alta da cidade de Brasiléia, por volta das 17h40 deste domingo, dia 31.

Segundo foi apurado, o motociclista Cleucimar Wendell Oliveira (25) trafegava com sua namorada de 17 anos na garupa por uma das ruas do Bairro citado, quando um cão apareceu andando pelo meio da rua, fazendo com que realizasse uma manobra com intenção de desviar do mesmo.

Ao retornar para sua mão com a moto modelo Honda/XR200, placa MZZ 7377, não percebeu o carro modelo VW/Gol, placas MZT 5197, dirigido por Rosevânia Lima da Silva (22), que vinha sentido contrário da rua e o choque foi inevitável.

Jovem sofreu dilaceração na perna esquerda - Foto: Alexandre Lima
Jovem sofreu dilaceração na perna esquerda – Foto: Alexandre Lima

Ao bater na parte frontal esquerda, deixou ferimentos na perna esquerda de Cleucimar, mas a sua namorada sofreu múltiplas escoriações e uma lesão extensa na região supra patelar e região do quadríceps, seguidos de exposição de nervos e músculos.

Um médico que passava no local, Doutor Adriano Marcell da Silva, ajudou no atendimento até a chegada da camionete dos Bombeiros do 5º Batalhão do Alto Acre. O casal foi conduzido ao hospital de Brasiléia, onde receberam os primeiros socorros, mas não puderam realizar os serviços de raio-x, pelo fato do aparelho estar quebrado.

A motorista do carro, ficou no local para prestar ajuda e esclarecimentos às autoridades no 10º Comando da Polícia Militar e foi liberada em seguida. O casal não corria risco de morte e ficaram em observação.

Segundo foi apurado no hospital, a ambulância do SAMU foi levada para revisão na Capital após a chegada da nova, que foi entregue na semana passada e deverá usada para o translado de pacientes, deixando novamente, a fronteira somente com um veículo e a dos bombeiros também está em manutenção sem data para voltar.

IMG_1333

Comentários