Rômulo estava sendo procurado e foi preso tentando fugir para a Capital
Rômulo estava sendo procurado e foi preso tentando fugir para a Capital

Alexandre Lima, da redação

O caso do assalto no km 26 da BR 317 (Estrada do Pacífico), onde três assaltantes armados trancaram suas vítimas no banheiro e levaram cerca de R$ 10 mil reais, está solucionado. Segundo o delegado titular de Brasiléia, Cristiano Bastos, o último integrante foi preso.

Foi anunciado sua prisão na cidade de Capixaba, quando Rômulo Meireles Neto tentava fugir num taxi para a capital, distante cerca de 240 quilômetros, após saber que sua captura seria questão de tempo depois que seus comparsas; Joel Lima da Silva e Odias da Silva Sales, já estavam presos.

O assalto ocorreu no dia 24 de Abril passado. Os policiais militares do 10º Comando conseguiram surpreender os bandidos num ramal próximo à cidade, onde chegaram a trocar tiros e conseguiram fugir pelo mato durante a madrugada, recuperando duas armas e parte do dinheiro.

Com a prisão de Rômulo, o caso foi encerrado e o trio está a disposição da Justiça até o julgamento. Pelo crime, os assaltante poderão ficar mais de 15 anos presos no presídio estadual na Capital.

Matéria relacionadas:

Polícia civil identifica assaltantes no km 26 em Brasiléia. Dois estão presos

Polícia procura três homens que praticaram assalto no km 26; houve troca de tiros na madrugada

Comentários