Conecte-se conosco

Cotidiano

Cientista político acreano sai em defesa do voto eletrônico

Publicado

em

Cezar Negreiros

O cientista político Nilson Euclides, professor do Curso de Ciências Sociais da Universidade Federal do Acre (Ufac), disse que estas críticas dos bolsonaristas e dos setores conservadores da sociedade acreana de fraude nas urnas eletrônicas reflete o cenário desfavorável nas eleições do próximo ano.

Como o governo Bolsonaro não consegue responder os últimos escândalos que abalaram o Palácio da Alvorada e dar uma resposta a política fracassada de combate a pandemia de covid-19, busca desesperadamente desmoralizar as instituições, em busca de colher dividendos políticos. “Acho essas ameaças infundadas, porque há 25 anos começamos com o voto eletrônico que permitiu a alternância do poder no país, mas não temos nenhum registro de fraude que comprometesse a vontade soberana dos eleitores”, declarou Euclides.

O sociólogo destacou que esse grupo político que tomou de assalto o poder não contará com o mesmo cenário favorável em 2022. Destacou que a eleição de Bolsonaro levou em conta uma conjuntura favorável como aconteceu com o governo Donald Trump nos Estados Unidos da América, mas que não se repetiu no pleito seguinte. “A sociedade brasileira elegeu um governo de ultradireita que até agora não conseguiu demonstrar capacidade para governar o nosso país”, observou o professor universitário.

A questão do voto impresso suscitou intermináveis debates na sociedade acreana, mas a palavra final caberá aos parlamentares no Congresso Nacional decidir se a votação do próximo ano será impresso ou não. Para os especialistas, o maior problema é o custo de substituição das urnas eletrônicas nos 5.568 municípios antes do pleito presidencial. Em caso de dúvidas poderia estabelecer algumas cidades como laboratório do voto impresso para dirimir definitivamente estas dúvidas suscitadas pelas direitas conservadoras e os grupos religiosos fundamentais no país que buscam colocar em chegue a inviolabilidade das urnas eletrônicas.

Auditagem

A empresa de tecnologia que porventura venha ganhar a licitação de confecção desta nova urna eletrônica, com uma impressora anexada para contabilizar voto a voto impresso pode não ter com o tempo suficiente para atender a demanda das seções eleitorais nos 5.568 municípios brasileiros.

O principal obstáculo do retrocesso do voto impresso será o custo de produção das novas urnas eletrônicas com a instalação do mecanismo que permita a instalação da impressora. Antes da votação das eleições gerais, a Justiça Eleitoral sorteia algumas urnas eletrônicas para que os partidos e representantes da sociedade civil possam acompanhar a auditagem dos votos dadas a cada candidato no software programado com o nome e o número dos postulantes a cargos majoritários e proporcionais que estão no páreo da disputa eleitoral.

Durante a votação, uma nova auditagem é realizada com o resultado de cada urna eletrônica instalada na seção eleitoral que permite a totalização paralela em tempo real, em todos os pleitos eleitorais, mas nenhuma irregularidade foi detectada pelos especialistas em informática.

Comentários

Cotidiano

Vasco e Tombense medem forças pela Série B

Publicado

em

Jogo da 24ª rodada da competição será em São Januário

Vasco e Tombense medem forças, a partir das 11h (horário de Brasília) no estádio de São Januário, pela 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Além de contar com um grande apoio de sua torcida, pois a expectativa é de que o estádio esteja lotado, os donos da casa contarão com a volta do camisa 10 Nenê e do volante Yuri Lara, que confia em uma vitória para o Cruzmaltino melhorar sua situação na tabela: “Realmente nós perdemos aquela gordura que tínhamos. Oscilar é normal dentro da competição, e agora é voltar a ter confiança, colocar a cabeça no lugar e ganhar gordura novamente”.

Seis pontos separam o Vasco da Tombense na tabela de classificação. A equipe carioca está em quarto lugar com 39 pontos, enquanto os mineiros somam 33 na sexta posição do campeonato após 23 rodadas.

“Bruno Pivetti [treinador] sabe montar um time. Vai ser um jogo duro, creio que eles venham fechados e precisaremos de paciência para furar esta barreira”, afirma o volante do Vasco.

No primeiro turno do Brasileirão da Série B, Vasco e Tombense empataram em um a um.

Comentários

Continue lendo

Cotidiano

Botafogo busca recuperação no Brasileiro contra o Atlético-GO em casa

Publicado

em

O Estádio Nilton Santos vai ser palco, neste sábado (13), de Botafogo x Atlético-GO, duelo da 22ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Com 25 pontos, o Glorioso está em 12º lugar na tabela, enquanto o Dragão, com 20,  amarga a vice-lanterna da competição. A partida, com início às 21h (horário de Brasília), será transmitida ao vivo na Rádio Nacional, com narração de André Marques, comentários de Mario Silva, reportagem Maurício Costa e plantão Bruno Mendes. 

O Botafogo vem de empate em 1 a 1 contra o Ceará dentro de casa e teve a semana inteira para os treinos do técnico Luis Castro, como conta o zagueiro argentino Victor Cuesta.

“Mesmo ganhando sempre tem coisa a corrigir e o único caminho para conseguir o resultado é continuar trabalhando, nunca faltou trabalho a este grupo”.

Cada vez mais reforços chegam ao Botafogo para esta reta final de temporada. As duas últimas contratações anunciadas foram o meia Gabriel Pires e o volante Danilo Barbosa, mas os dois ainda não estreiam nesta partida.

O Atlético Goianiense também busca reforços para o elenco do técnico Jorginho, que enfrenta, dia 01/09, o São Paulo pelas semifinais da Copa Sul-Americana e, na próxima quarta (17), o Corinthians pelas quartas-de-final da Copa do Brasil, após vencer o primeiro jogo em Goiânia por 2 a 0.

O duelo contra o Botafogo tem um sabor diferente para o meia-atacante Luiz Fernando que já defendeu a equipe carioca.

“Sim, tem um gosto especial. Vários amigos já me ligaram, brincando com a lei do ex. O Botafogo é uma grande equipe e vai ser um jogo difícil o nosso treinador vai armar um time para trazer um resultado positivo”.

No primeiro turno do Brasileirão, Atlético Goianiense e Botafogo empataram em 1 a 1.

Comentários

Continue lendo

Cotidiano

Mega-Sena deste sábado paga prêmio de R$ 27 milhões

Publicado

em

Concurso será às 20h em São Paulo

 

O Concurso 2.510 da Mega-Sena, que será sorteado hoje (13) à noite em São Paulo, pagará o prêmio de R$ 27 milhões a quem acertar as seis dezenas. O sorteio será às 20h no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê.

O último concurso, quarta-feira (10), não teve acertadores das seis dezenas, e o prêmio acumulou. A quina teve 47 ganhadores e a quadra, 2.560.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal.

A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Os sorteios da Mega-Sena são realizados duas vezes por semana, às quartas e aos sábados. Para adequar o número do concurso da Mega da Virada, que deve ter final 0 ou 5, foram criadas as Mega-Semanas que são exclusividade da Mega-Sena. Os sorteios ocorrem em datas predeterminadas ao longo do ano. Na ocasião são realizados três concursos semanais, às terças, quintas e sábados.

Comentários

Continue lendo

Em alta