“Cinquenta e seis anos se passaram e o Estado do Acre só regrediu”, diz deputado Antônio Pedro

O oposicionista questionou também a lentidão das obras do Hospital Regional de Brasileia. Ele frisou que obra deveria ter sido entregue em 2014

0

Fazendo alusão ao aniversário do Estado do Acre, comemorado na última sexta-feira (15), o deputado Antônio Pedro (DEM) disse na sessão desta quarta-feira (20) que a população acreana não tem muito o que comemorar. Segundo o democrata, o Estado ainda enfrenta problemas graves nos setores de educação, saúde e segurança.

“O Acre completou semana passada 56 anos de história e é lamentável que mesmo com o passar do tempo ele ainda seja um Estado totalmente dependente. Nesse tempo todo, o governo nada fez para melhorar a área da produção, por exemplo, enquanto o Estado vizinho de Rondônia está dando um show nesse setor, produzindo de tudo um pouco. Na educação, saúde e segurança os problemas são ainda maiores. A situação só piora com o passar do tempo”, disse.

O oposicionista questionou também a lentidão das obras do Hospital Regional de Brasileia. Ele frisou que obra deveria ter sido entregue em 2014. “Essa é mais uma prova do descaso que o governador tem com a saúde pública do Acre. Esse hospital é muito importante para a região do Alto Acre, mas, infelizmente, a obra ainda não foi concluída. Enquanto o povo morre na fila dos hospitais, o governo segue gastando dinheiro com mídia, realizando contratos milionários. Um absurdo sem fim”, afirmou.

Mircléia Magalhães - Agência Aleac

Comentários

Assuntos desta notícia