Conecte-se conosco

Extra

Com letalidade de 2,10%, prefeituras do Acre ficam fora do pacote de R$ 25 mi para combate à pandemia

Publicado

em

Recursos para custeio de ações e serviços de saúde são destinados a 381 municípios nas cinco regiões do país

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante o lançamento do curso de formação de multiplicadores em urgências e emergências em saúde mental.

Em todo o país, 381 municípios serão contemplados com recursos para custear ações e serviços de saúde. O montante total destinado pelo Ministério da Saúde é de R $25 milhões. O repasse será feito aos Fundos de Saúde dos estados e municípios.

Para o cálculo da distribuição dos recursos financeiros foi considerada a quantidade total de Autorizações de Internação Hospitalar (AIH), de acordo com os processamentos do Sistema de Informação Hospitalar (SIHSUS), dos meses de janeiro a junho de 2021.

Com uma população estimada em 61.206 mil habitantes, o município paraense Dom Eliseu está entre as cidades que vão receber o repasse do Ministério da Saúde para o combate à pandemia. De acordo com a última atualização da Secretaria de Saúde, Dom Eliseu tem, atualmente, 49 pessoas com a Covid-19 e o número de óbitos no total é de 66. O levantamento do painel Covid, do Brasil 61, informa que o município tem ainda  2.118 casos acumulados e taxa de letalidade está em 1,84%.

O repasse de R$ 112,5 mil vai ser utilizado para manter estruturas montadas para atender pessoas infectadas pelo coronavírus, como disse o secretário municipal de Saúde, Luis Lima de Araujo. “Vai ajudar a manter o Centro de Covid que criamos, despesas com médicos e enfermeiros, testes e na distribuição de medicamentos”.

A distribuição dos repasses do MS ao estados e municípios ficaram da seguinte forma:

A região Nordeste foi a que teve maior parte dos recursos. Ao todo, oito estados foram contemplados.

  • Alagoas (2);
  • Bahia (12);
  • Ceará (45);
  • Maranhão (39);
  • Paraíba (9);
  • Pernambuco (46);
  • Piauí (7);
  • Rio Grande do Norte (14).

Já na região Norte, quatro estados aparecem na lista da portaria.

  • Tocantins (2);
  • Roraima (13);
  • Pará  (36);
  • Amazonas (7).

No Centro Oeste, apenas o Distrito Federal não está listado para receber o repasse para a saúde.

  • Goiás (47);
  • Mato Grosso do Sul (4);
  • Mato Grosso (19).

Todos os quatro estados do Sudeste estão com municípios aptos a receberem o repasse do governo.

  • Minas Gerais (8);
  • Rio de Janeiro (13);
  • Espírito Santo (9);
  • São Paulo (41).

O sul do Brasil tem três estados para receberem a verba que será destinada à saúde.

  • Santa Catarina (5);
  • Rio Grande do Sul (9);
  • Paraná (3).

Outras ações

Na manhã desta terça-feira (26), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, discursou na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, em Portugal, e comentou outras ações da pasta de enfrentamento à pandemia.

“Em relação à nossa campanha de vacinação, é bom que se faça aqui uma nota: os esforços para imunizar a população brasileira não são só do ano de 2021. Eles começaram em maio de 2020, através de uma encomenda tecnológica feita à farmacêutica Astrazeneca, em parceria com a Universidade de Oxford, que desenvolveu a vacina Astrazeneca. O Brasil alocou cerca de R$ 2 bilhões de reais com essa encomenda tecnológica e, hoje, já é possível produzir vacinas com insumo farmacêutico ativo produzido na Fundação Oswaldo Cruz”, afirmou Queiroga.

Dados da Covid-19

O Brasil registrou mais 13.424 casos e 442  óbitos por Covid-19, terça-feira (26), de acordo com o balanço mais recente do Ministério da Saúde. Desde o início da pandemia, mais de 21.748.984 milhões de brasileiros foram infectados pelo novo coronavírus. 
O Rio de Janeiro ainda é o estado com a maior taxa de letalidade entre as 27 unidades da federação: 5,18%. O índice médio de letalidade do País estava em 2,9%.

Taxa de letalidade nos estados

  • RJ    5,18%
  • SP    3,45%
  • AM    3,22%
  • PE    3,17%
  • MA    2,84%
  • PA    2,80%
  • GO    2,68%
  • AL    2,62%
  • PR    2,61%
  • CE    2,60%
  • MS    2,56%
  • MG    2,54%
  • MT    2,52%
  • RO    2,44%
  • RS    2,42%
  • PI    2,18%
  • BA    2,17%
  • SE    2,16%
  • ES    2,13%
  • PB    2,11%
  • DF    2,11%
  • AC    2,10%
  • RN    1,98%
  • TO    1,70%
  • SC    1,62%
  • AP    1,61%
  • RR    1,59%

Os números têm como base o repasse de dados das Secretarias Estaduais de Saúde ao órgão. Acesse as informações sobre a Covid-19 no seu estado e município no portal brasil61.com/painelcovid.

Comentários

Extra

PREFEITURA MUNICIPAL DE EPITACIOLÂNDIA – AVISO DE REABERTURA DE LICITAÇÃO

Publicado

em

ESTADO DO ACRE

PREFEITURA MUNICIPAL DE EPITACIOLÂNDIA

COMISSÃO MUNICIPAL PERMANENTE DE LICITAÇÃO

AVISO DE REABERTURA DE LICITAÇÃO

PREGÃO PRESENCIAL SRP N.º 038/2021.

DATA PARA RETIRADA DO EDITAL: 02/12/2021 à 13/12/2021.

TIPO DE LICITAÇÃO: Menor preço global.

DATA DA REABERTURA: 14 de dezembro de 2021.

HORARIO: 10h00min (dez horas).

LOCAL: Rua Capitão Pedro de Vasconcelos n° 257 – Sede da Prefeitura Municipal de Epitaciolândia/AC.

OBJETO: Registro de preços para contratação de empresa especializada em serviços de assessoria jurídica em atendimento as necessidades da Prefeitura Municipal de Epitaciolândia– Acre.

As pastas contendo condições e especificações relativas ao presente Edital, encontram-se à disposição dos interessados para consulta na Comissão Municipal Permanente de Licitação – CMPL, Portal de Licitação do Tribunal de Contas do Estado do Acre, site do município ou através do e-mail: licitacao@epitaciolandia.ac.gov.br

A Prefeitura Municipal de Epitaciolândia reserva-se ao direito de a todo e qualquer tempo, desistir, revogar adiar ou mesmo anular total ou parcialmente esta Licitação, sem que isto represente direito dos interessados a qualquer pedido de indenização, reembolso ou compensação dos valores.

Epitaciolândia/AC, 02 de dezembro de 2021.

 

Agleison Rodrigues dos Santos

Pregoeiro Oficial

Decreto n° 076/2021

Comentários

Continue lendo

Extra

PREFEITURA MUNICIPAL DE BRASILEIA – AVISO DE LICITAÇÃO

Publicado

em

ESTADO DO ACRE

PREFEITURA MUNICIPAL DE BRASILEIA

COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

AVISO DE LICITAÇÃO

PREGÃO PRESENCIAL SRP N° 049/2021

OBJETO: Registro de preços para futura e eventual aquisição de cestas básicas visando atender as necessidades da Secretaria de Cidadania e Assistência Social Município de Brasileia/AC.

Data da Abertura: 14 de dezembro de 2021, às 09h00min. O Edital e seus anexos encontram-se a disposição dos interessados para consulta e aquisição, do dia 02 ao dia 13 de dezembro de 2021, de segunda a sexta feira na sede da Prefeitura Municipal de Brasileia, sito a Av. Rolando Moreira n. º 198 – Centro, em Brasileia/AC, telefone (68) 35464402, no endereço eletrônico: cpl@brasileia.ac.gov.br ou no endereço http://app.tce.ac.gov.br/portaldaslicitacoes/. Os interessados deverão comparecer munidos com respectivos carimbos e do CNPJ.

Brasileia/AC, 01 de dezembro de 2021.

Eva de Souza Vieira

Pregoeira

Comentários

Continue lendo

Extra

Pesquisa aponta Gladson com 45% da preferência do eleitor

Publicado

em

Ex-governador do PT, Viana apareceu com 21% das intenções de voto, na pesquisa estimulada. Pesquisa Real Time Big data encomendada pela TV Gazeta foi divulgada, nesta quinta-feira, 2, e colheu respostas de 600 eleitores acreanos

Governador Gladson Cameli – Foto: Alexandre Lima/Arquivo

FONTE: AGAZETADOACRE

A nova pesquisa da Realtime Big Data, sobre o cenário político do Acre, revelou que o atual governador Gladson Cameli (PP) perdeu intenção de votos, desde a última pesquisa realizada em agosto, mas permanece em primeiro lugar para o governo em 2022. Cameli recebeu 30% das intenções de voto, na pesquisa espontânea, e 45%, na pesquisa estimulada. Na pesquisa de agosto, ele recebeu 41% e 62% das intenções, respectivamente.

Neste novo cenário, a eleição para o Governo do Acre seria resolvida no segundo turno. O ex-governador e ex-senador Jorge Viana, do PT, que aparece em segundo lugar, com 21% na estimulada, seria o concorrente do atual governador.  O senador Sérgio Petecão (PSD) desceu uma posição nas respostas, desde a última pesquisa, e ficou em terceiro lugar, com 12% das intenções de voto, seguido por Jenílson Leite, com 2%.

Pesquisa da Realtime Big Data foi divulgada nesta quinta-feira, 2, e colheu respostas de 600 eleitores acreanos

Na última pesquisa da TV Gazeta, em agosto, o nome de Jorge Viana não foi colocado na simulação da pesquisa estimulada. Mas apareceu com 39% da preferência do eleitor, no quesito “Melhor governador do Acre nos últimos 30 anos”. Cameli apareceu em segundo, com 21% da preferência; Orleir Cameli foi citado por 14%; Tião Viana por 11%; Binho Marques, 4%; Romildo Magalhães 1%, e 10% não quiseram ou não souberam responder.

Encomendada pela TV Gazeta, a atual pesquisa foi realizada via telefone, com 600 eleitores acreanos. Os dados foram coletados nos dias 29 e 30 de novembro deste ano, e o nível de confiança é de 95%.

A pesquisa também revelou os índices de rejeição aos candidatos, no qual Gladson Cameli, que ficou em último lugar na pesquisa de agosto (com 19%), subiu para a primeira posição, com 27% de rejeição. Jorge Viana ficou em segundo lugar, com 24%, seguido por Sérgio Petecão, com 15%, Jenilson Leite, com 8% e David Hall com 4%.

Avaliação da gestão Gladson Cameli

Já na avaliação do governador Gladson Cameli, a pesquisa apontou que 56% da população acredita que a gestão de Cameli é ótima ou boa, enquanto 21% vê como regular, e outros 21% do eleitorado avalia como ruim ou péssimo.

Não sabem ou não responderam foram 2%. Veja abaixo:

Comentários

Continue lendo

Em alta