Conecte-se conosco

Acre

Com mais de 3,7 mil advogados, AC tem 1 profissional para cada 244 habitantes, diz OAB

Publicado

em

Levantamento aponta ainda outros aspectos sobre os advogados inscritos no estado, como a faixa etária e sexo.

Um levantamento divulgado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), na última semana, mostra que o estado acreano possui 3.701 advogados inscritos na ordem. Esse dado revela que o estado possui um advogado para cada 244 habitantes, considerando a população de mais de 906 mil habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O que preocupa neste cenário, de acordo com a OAB, é a qualidade dos cursos ofertados pelo país que tem a maior proporção de advogados por habitante do mundo, com cerca de 1,3 milhão de profissionais que exercem regularmente a profissão, ou seja, proporcionalmente, há um advogado para 164 brasileiros residentes no país.

Conforme dados da OAB, existem, hoje, no país, cerca de 1,8 mil cursos jurídicos e, atualmente, segundo dados do próprio órgão, são mais de 700 mil alunos matriculados.

“Esse número é absurdo, pois o Brasil tem mais cursos de Direito do que a soma da oferta em países como China, Estados Unidos e toda a Europa. Além dessa quantidade, a grande preocupação da OAB é com a qualidade desses cursos que estão sendo ofertados”, disse o presidente da OAB-Seccional Acre, Rodrigo Aiache.

O presidente disse que por causa disso foi criado o selo OAB Recomenda que fez uma seleção mostrando a qualidade dos cursos no Brasil.

“Selecionou aproximadamente 10% dos cursos existentes no Brasil, o que demonstra que grande parte das faculdades de direito não têm uma boa qualidade. Nossa luta é para que haja a melhoria do ensino dessas faculdades”, acrescentou.

Outros dados

 

O levantamento aponta ainda outros aspectos sobre os advogados inscritos no estado, como a faixa etária e sexo.

No Acre, a maioria dos advogados é do sexo masculino, com 2.004 inscritos. Já as inscrições de mulheres são de 1.697.

Em relação à faixa etária, a maioria dos advogados do estado possui idade de 26 a 40 anos com 1.653 inscritos, seguido do grupo etário de 41 a 59 anos (1.397) e depois aqueles com mais de 60 anos (887). Os jovens com idade até 25 anos são a minoria (209).

Comentários

Acre

“Temos vinte dois motivos para lhe apoiar”, diz Gladson em evento com Bolsonaro na capital federal

Publicado

em

O governador Gladson Cameli disse hoje a tarde em Brasília, durante evento com governadores e o presidente Bolsonaro, que vai apoiar a reeleição do chefe da nação no segundo turno.

Ao lado de governadores eleitos no primeiro e outros que vai disputar o segundo turno, Gladson ratificou apoio à reeleição de Bolsonaro e disse que o Acre é grato pelo apoio que recebeu.

“Temos 22 motivos para lhe apoiar. Foi por meio do seu governo que conseguimos conceder aos professores o maior abono salarial da educação. […] O melhor vem agora”, disse Cameli.

Comentários

Continue lendo

Acre

Acre tem redução em casos de síndrome gripal

Publicado

em

Na primeira semana de setembro, o Acre teve reduzido o número de notificações para casos de doenças respiratórias. O estado passou a registrar uma redução ainda em julho, que se mantém até o momento, saindo de 83 para 24 mensais.

Segundo dados laboratoriais, o Sars-cov-2 foi o vírus de maior circulação no estado, apresentando queda nas detecções por períodos durante 2022, seguido por vírus sincicial respiratório, rinovírus, influenza A, influenza A/H3 sazonal, sendo os cinco principais vírus em circulação no ano de 2022.

O gráfico acima mostra a distribuição de casos de síndrome respiratória aguda grave em internados, por município de residência, com maior frequência em Rio Branco e Cruzeiro do Sul, em razão da procura por unidades de saúde com maiores suportes assistenciais em casos mais graves.

Confira o informe técnico na íntegra:

Informe técnico sobre doenças respiratórias no Acre

 

Comentários

Continue lendo

Acre

Após homicídio no interior do Acre durante discussão entre casal, suspeito é preso pela Polícia Civil

Publicado

em

Por

Investigação apontou que suspeito ouviu mulher pedir socorro durante briga com marido e acabou esfaqueando homem. Crime ocorreu no domingo (2), na zona rural de Feijó.

Após homicídio no interior do AC durante discussão entre casal, suspeito é preso pela Polícia Civil — Foto: Asccom/PC-AC

Após homicídio no interior do AC durante discussão entre casal, suspeito é preso pela Polícia Civil — Foto: Asccom/PC-AC

Após investigações, a Polícia Civil prendeu Ronaldo Albuquerque Oliveira, de 23 anos, suspeito de matar Elielson Sousa de Araújo no último domingo (2), no KM 72 da BR-364, na zona rural de Feijó, interior do Acre. O cumprimento de mandado de prisão foi feito nessa quarta-feira (5).

Conforme a polícia, o suspeito estava bebendo na casa da vítima com outras pessoas, quando, por volta das 20h de domingo, Araújo passou a discutir com a esposa, que pediu socorro dizendo que estava sendo agredida com uma faca.

Foi então que Oliveira começou a discutir com a vítima, eles entraram em luta corporal e o suspeito acabou dando quatro facadas no homem. Segundo o delegado responsável pelo caso, Railson Ferreira, os golpes atingiram a região do peito e barriga da vítima.

Após a ação, a vítima foi levada para a cidade de Manoel Urbano e depois para o hospital de Rio Branco por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, mas não resistiu e morreu.

Comentários

Continue lendo

Em alta