Conecte-se conosco

Extra

Confusão termina com um furado a golpes de ‘gargalo’ em bar de Xapuri

Publicado

em

Com apoio de Raimari Cardoso

A Polícia Civil do município de Xapuri, comandada pelo delegado Gustavo Neves, já conseguiu identificar os principais envolvidos na confusão que acabou em uma briga generalizada, sendo que um foi ferido a golpes de gargalo de garrafa, mas, que se encontra fora de perigo de morte.

Danilo Leandro Menezes, conhecido na cidade pela alcunha de ‘Pavio’ foi ferido. Deu entrada no hospital Epaminondas Jácome com uma perfuração na região do abdômen, mas seu estado de saúde era bom, de acordo com informações fornecidas pela família.

Polícia Civil de Xapuri está no caso e os envolvidos foram ouvidos.

Dois envolvidos na briga, identificados como João Paulo da Silva Tavares e Arleudo, que segundo as informações apuradas, são genro e sogro, que foram conduzidos por uma guarnição da Polícia Militar à delegacia de Xapuri como suspeitos da autoria da agressão contra a vítima.

Por orientação do delegado Gustavo Neves, titular da cidade, uma equipe coordenada pelo investigador Eurico Feitosa, fizeram diligências no local do ocorrido com o fim de obter material probatório e levantar testemunhas dos fatos. De acordo com o inspetor policial civil, havia muitas garrafas quebradas no ambiente.

O que se sabe até o momento

Pelo que foi apurado preliminarmente, Danilo Leandro e João Paulo deram origem à briga no interior do bar. Arleudo, o sogro de João Paulo, não estava no local nesse momento, mas foi avisado por alguém da confusão e de que sua filha, que estava na companhia do namorado, teria sido agredida por Danilo Leandro.

Ao chegar no local da confusão, enquanto os dois envolvidos na briga se engalfinhavam e os seguranças do estabelecimento tentavam separá-los, Arleudo teria desferido o golpe com o gargalo na vítima. Interrogado na delegacia, ele confessou ter sido o responsável pelo golpe em Danilo Leandro.

Alguns vídeos que circulam na internet mostram a confusão no interior do bar, mas não é possível observar o momento em que Danilo Leandro é ferido. Até o fechamento desta publicação os dois suspeitos permaneciam na delegacia enquanto o delegado prosseguia trabalhando no caso.

Comentários

Extra

Polícia Civil Xapuri prende contrabandista com carga cigarros da Bolívia

Publicado

em

A Delegacia de Polícia Civil de Xapuri prendeu nesta sexta-feira, 27, um homem que transportava 200 pacotes de cigarros produto de descaminho, adquiridos na Bolívia.

Gustavo Neves, titular da Delegacia de Xapuri, disse que os cigarros eram destinados a abastecer o comércio local.

A equipe de investigação coordenada pelo Inspetor Investigador Eurico Feitosa viu um táxi entrando na cidade em atitude suspeita e mandou que o veículo parasse, mas o condutor do veículo não obedeceu e passou pelos policiais em alta velocidade.

Houve perseguição do veículo e minutos depois os policiais civis conseguiram alcançar o táxi. Foram encontradas diversas caixas de cigarros no porta-malas do carro. O motorista do veículo foi levado para a delegacia e a carga de cigarros foi apreendida.

Comentários

Continue lendo

Extra

IRPF 2022: Mais de 79 mil entregaram a declaração no Acre 

Publicado

em

Prazo termina dia 31 de maio

Até as 10h de hoje, 27/05, 79.315 contribuintes entregaram a declaração em todo o estado do Acre, o que corresponde a 91,4% do esperado que é de 86.764 declarações. Já na 2ª Região Fiscal, que é composta pelos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia e Roraima, 1.359.267 contribuintes cumpriram a obrigação Federal.

Lotes de Restituição

Mensalmente a Receita Federal recebe da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) recursos para pagar as restituições e cria lotes bancários. A inclusão de contribuintes nesses lotes obedece aos seguintes critérios legais:

  1. idosos;
  2. contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério;
  3. demais contribuintes.

Havendo empate nos critérios, quem entregou primeiro tem prioridade.

Lotes de 2022 

Lote 

Data 

Selic 

Declarações transmitidas até* 

31/05/2022 0,00%
30/06/2022 1,00%
30/07/2022
31/08/2022
30/09/2022

. Data válida para as declarações processadas e sem pendência(s).

. A data de transmissão considerada é a da última declaração transmitida.

É bom alertar que quem estiver obrigado a entregar a declaração e não fizer até o fim do prazo estará sujeito à multa. O valor da multa é de 1% ao mês, sobre o valor do imposto de renda devido, limitado a 20% do valor do imposto de renda. O valor mínimo da multa é de R$ 165,74.

A multa é gerada no momento da entrega da declaração e a notificação de lançamento fica junto com o recibo de entrega e o contribuinte terá 30 (trinta) dias para pagar a multa. Após este prazo, começam a correr juros de mora (taxa Selic).

Não deixe para o último dia e evite multa.

Se ainda restarem dúvidas, acesse o perguntão

Comentários

Continue lendo

Extra

Governo participa de reunião para implantação do Gabinete de Gestão Integrada e Fronteira Internacional

Publicado

em

Na reunião foi solicitada a facilitação de acessos aos aeroportos vizinhos, do Peru e da Bolívia

O governo do Estado participou nesta quinta-feira, 26, na sede da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), de uma reunião para avaliação das operações das forças-tarefas deflagradas nas regiões do Alto e Baixo Acre, no período de 5 de abril a 23 de maio, e também para tratativas de implantação do Gabinete de Gestão Integrada e Fronteira Internacional (GGIF-I).

Reunião contou com a participação do govenador e de representantes dos países Bolívia e Peru. Foto: Diego Gurgel/Secom

O Gabinete de Gestão Integrada e Fronteira Internacional GGIF-I visa integrar as forças de segurança pública que atuam nas regiões fronteiriças do Acre e do Departamento de Pando, na Bolívia, e tem o objetivo comum de prevenir e reprimir o narcotráfico, crimes ambientais, tráfico de pessoas, contrabando e descaminho.

O encontro é fruto de uma tratativa firmada com o governo boliviano em uma reunião realizada em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, no dia 20 de abril deste ano, com as participações do secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), coronel Paulo Cézar Rocha dos Santos, e o ministro de governo plurinacional daquele país, Carlos Eduardo Del Castillo, quando trataram da segurança transfronteiriça, envolvendo os dois países, principalmente em área abrangente à região do Alto Acre, pelo lado brasileiro, resultando na deliberação de proposições voltadas à prevenção e combate aos crimes transfronteiriços, em Carta de Intenções celebrada pelas autoridades brasileiras e a cúpula do governo boliviano voltada à área de segurança.

Governador agradeceu a presença de todos e destacou a importância da cooperação entre os países. Foto: Diego Gurgel/ Secom

O governador Gladson Cameli destacou, quanto às fronteiras, a importância de se diminuir cada vez mais o contrabando de veículos e aproveitou a oportunidade para pedir um acesso mais facilitado aos aeroportos vizinhos dos países representados na reunião, Peru e Bolívia, para possíveis emergências, tanto para o âmbito da segurança, quanto para o âmbito da saúde, dentre outros.

“Aqui mostra-se de fato e de direito o compromisso do governo peruano, do governo boliviano, do governo do Acre, por meio da Secretaria de Segurança, juntamente com o nosso governo federal. Aqui são várias pautas que se iniciam voltadas à segurança e vão abrir portas para, futuramente, alinharmos com a questão de transporte aéreo”, destacou o governador.

O titular da Sejusp explica que  houve um recuo nos números dos indicadores de violência registrados na região do Alto Acre, e também a produção integrada de conhecimento, por meio de cursos e capacitações, troca de tecnologias, dentre outros.

Principal objetivo das ações é o combate aos crimes transfronteiriços. Foto: Diego Gurgel/ Secom

“Há uma coordenação conjunta das ações de combate aos crimes transfronteiriços que passa a ser institucionalizado, com assento de autoridades locais e bolivianas. O  objetivo maior é o combate a esses crimes, explicou o secretário.

Acrescentou ainda que, com essas medidas, as ações passam a ser coordenadas com conhecimento prévio das duas forças policiais que atuam na região, os alvos são definidos e, o mais importante, a disponibilização mútua de dispositivos inteligentes de acesso à informação e consulta a banco de dados garantirão uma condição diferenciada.

O Peru, representado pelo general Luís Alberto Cotrina, veio conhecer a experiência para, se possível, aderir à proposta de gestão de fronteira. Na ocasião, várias autoridades presentes foram homenageadas.

Comentários

Continue lendo

Em alta