A mãe do militar, Regina Norma, que é presidente do PSDB Mulher, está indo para a União do vegetal neste momento acompanhado de amigos
unia%cc%83o-do-vegetal-homenagem-1-800x600

WANIA PINHEIRO

Os corpos do sargento Gamal Hussein Rosas Murad, e da servidora do Incra, Maria Amélia Pereira da Silva, deverão chegar em Rio Branco nesta quarta-feira (2) por volta das 17 horas.

Os acreanos, que morreram na sexta-feira (28) em um acidente automobilístico na Estrada do Pacífico, estavam há seis dias na cidade peruana de Cusco aguardando liberação para serem transladados para Rio Branco, no Acre.

Assim que chegarem a Rio Branco, Gamal e Maria Amélia deverão passar por uma funerária, antes de ir para o Centro Espírita Beneficente União do Vegetal, localizado no quilômetro 01 da estrada do Mutum, onde serão velados.

unia%cc%83o-do-vegetal-homenagem-5-800x600

De acordo com membros da família de Murad, o velório deverá ter início a partir das 18:30, e o horário do sepultamento, que ocorrerá nesta quinta-feira (3), ainda não foi definido.

Gamal será sepultado no cemitério Morada da Paz, onde também está enterrado seu pai.

A mãe do militar, Regina Norma, que é presidente do PSDB Mulher, está indo para a União do vegetal neste momento acompanhado de amigos para aguardar a chegada do filho. Amigos e outros parantes de Murad e Maria Amélia já se encontram no local.

Comentários