Diniz argumenta que o número é muito grande e que isso gera um alto custo aos cofres públicos

Gehlen Diniz/Foto: Reprodução
SAIMO MARTINS

O deputado Gehlen Diniz (Progressistas) declarou na manhã desta quinta-feira (16), durante sessão solene em alusão ao “Movimento Maio Amarelo” na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), que 60% dos leitos dos hospitais públicos do estado e do Brasil, estão ocupados por vítimas de acidentes de trânsito.

Diniz argumenta que o número é muito grande e que isso gera um alto custo aos cofres públicos. “Para completar, 50% das salas de cirurgias são ocupadas por vítimas de acidentes”, declarou.

O parlamentar considera que os índices alarmantes são resultados de imprudência no trânsito, tendo em vista que, por ano, morre mais de um milhão de pessoas, em decorrência de acidentes.

“Precisamos dirigir com atenção, colocar os cintos, dar a seta ao virar uma rua ou esquina. Tudo isso, ajuda na prevenção”, explicou.

Comentários