Deputados Élson Santiago e Rocha travam discussão acalorada na Aleac

“Eu posso usar esta tribuna e quero que o senhor me respeite”, declarou Santiago. Gina Menezes, da Agência ContilNet Deputados Elson Santiago (E) e Wherles Rocha Durante a sessão desta...

“Eu posso usar esta tribuna e quero que o senhor me respeite”, declarou Santiago.
Gina Menezes, da Agência ContilNet
Deputados Elson Santiago (E) e Wherles Rocha
Deputados Elson Santiago (E) e Wherles Rocha

Durante a sessão desta terça-feira (17), os deputados Wherles Rocha (PSDB) e o presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), Élson Santiago (PEN), travaram uma acalorada discussão desde a tribuna da Casa, com direito a troca de insultos e tapas na mesa legislativa.

“Eu posso usar esta tribuna e quero que o senhor me respeite”, declarou Santiago.

A discussão começou quando Élson Santiago fez um comentário, sentado na cadeira de presidente, e foi interrompido pelo líder do PSDB, Wherles Rocha, que afirmou que para que o presidente discursasse seria necessário ele se inscrever como qualquer outro parlamentar, a fim de usar a tribuna do parlamento.

“O senhor não pode discursar daí; se quiser defender o governo, o senhor tem que sair da cadeira de presidente. Tem que se inscrever”, disse ao presidente.

Em resposta, o deputado Santiago alterou a voz e pediu respeito ao parlamentar oposicionista. Batendo na mesa e esbravejando no microfone, Santiago afirmou que exigia respeito e que não tolerava ser interrompido pelo tucano.

Os deputados Eduardo Farias (PCdoB) e Edvaldo Souza (PEN) usaram a tribuna após a discussão, e criticaram o desentendimento entre os parlamentares.

Comentários