Conecte-se conosco

Acre

Deracre e Consórcio avançam nas obras da Estrada da Variante, em Xapuri

Publicado

em

Por Raimari Cardoso

Recém-batizada de Antônio Carlos Miranda, em homenagem a um tradicional morador das margens da rodovia AC-380, a até então Estrada da Variante tem os trabalhos iniciais da obra de pavimentação asfáltica que teve ordem de serviços dada no último mês de outubro em pleno andamento, de acordo com a assessoria do Departamento de Estradas de Rodagem do Acre (Deracre).

Apesar das chuvas intensas que têm caído na região, o Consórcio Laranjeira tem avançado com a obra, segundo o Deracre. Quinze trabalhadores têm atuado na implantação e construção do canteiro de obras e cerca de 40 trabalhadores têm trabalhado na realização de serviços de limpeza da via, terraplanagem e, em breve, com a implantação da drenagem na estrada.

Inicialmente, estão sendo realizadas ações de limpeza mecanizada com retirada de atoleiros, remoção de resíduos nas margens e limpeza de drenos. Os trabalhos contam com a utilização de dois tratores de esteira que atuam de forma direta em oito quilômetros de extensão da via. Em 1,2 quilômetro, os trabalhadores se dedicam ao serviço de terraplanagem no intuito de garantir a conservação da via.

Tem sido feita, ainda, a regularização de subleito, execução de valetões e execução em 800 metros de sub-base. Para realização desses serviços há utilização de duas motoniveladoras, três rolos compactadores, duas escavadeiras hidráulicas, uma pá carregadeira, três tratores agrícolas com grade, seis caminhões basculantes e três caminhões irrigadores.

O trabalho visa garantir melhor escoamento das águas da chuva, além de propiciar melhorias na trafegabilidade da estrada e mobilidade para produtores rurais. Foram encaminhados os insumos necessários para realização dos serviços (pedra, areia e cimento) para em breve a implantação de bueiros.

“Essa obra gera emprego e renda no município de Xapuri, pessoas estão sendo contratadas para trabalhar na obra, além de fortalecer a economia local por meio de serviços de restaurantes, hospedagem e contratação de mais serviços”, diz o engenheiro responsável, Willyams Moraes.

Segundo Moraes, a pavimentação da estrada deve beneficiar mais de 20 famílias que vivem no Polo Agroflorestal Xapuri I e garantir mais mobilidade na região.

“A comunidade do Polo é uma das mais beneficiadas com essa obra pois vivem nessa região cerca de 15 a 20 famílias que precisam escoar a produção até o mercado municipal”.

De acordo com o presidente do Deracre, Petronio Antunes, os trabalhos têm seguido o cronograma proposto e os trabalhadores têm contribuído para que a obra prossiga em ritmo acelerado.

“Há 30 anos, os moradores de Xapuri aguardam por melhorias dessa rodovia e graças a emenda parlamentar do senador Márcio Bittar e comprometimento do governador Gladson Cameli temos seguido com o andamento da obra”, afirmou Antunes.

A AC-380 garante acesso e escoamento da produção local, além de ligar a cidade à BR-317. Em 2021, o governador Gladson Cameli destinou um pacote de R$ 140 milhões de reais em investimentos para a regional do Alto Acre, dos quais R$ 25 milhões são para a obra da Variante, destinados pelo gabinete do senador Márcio Bittar para asfaltamento dos 17,5 quilômetros da via.

Quem foi Antônio Carlos Miranda

Natural de Piumhi, Minas Gerais, o pecuarista Toninho Miranda é pai do ex-prefeito de Xapuri, Marcinho Miranda, que administrou o município entre os anos de 2013 e 2016. Ele chegou ao município em janeiro de 1988, depois de ter vivido em Rondônia.

Toninho Miranda era um dos moradores mais conhecidos da estrada que hoje leva o seu nome e um dos maiores entusiastas da sua pavimentação.

No ano passado, após vender sua fazenda em Xapuri, o pecuarista se mudou para o município de Juruena, em Mato Grosso, onde descobriu um câncer logo em seguida. Ele vinha se tratando da doença quando faleceu, no dia 6 de junho deste ano.

Com informações da Agência de Notícias do Acre.

Comentários

Acre

Senadora Mailza anuncia pagamento de emenda de R$ 550 mil para compra de máquina de gelo à Colônia de Pescadores de Cruzeiro do Sul 

Publicado

em

Em 2019, a senadora esteve na Colônia e se comprometeu com o envio de recursos.

Parlamentar também garantiu R$ 270 mil para um caminhão e R$ 150 mil para caminhonete, ambos para Colônia de Pescadores; recursos, que somam quase R$ 1 milhão, já estão em licitação

A senadora Mailza (Progressistas-AC) confirmou nesta sexta-feira, 3, o pagamento de sua emenda parlamentar no valor de R$ 550 mil para a compra de uma máquina de fabricar gelo para a Colônia de Pescadores de Cruzeiro do Sul. A parlamentar também garantiu R$ 270 mil para um caminhão e R$ 150 mil para caminhonete, ambos para Colônia. Os investimentos somam cerca de R$ 1 milhão.

“O uso do gelo é peça-chave na conservação do pescado. Fico muito realizada em trabalhar para o bem-estar da nossa população e contribuir na melhoria da produção dos nossos pescadores. Esse é um investimento que vai suprir as necessidades, principalmente do pequeno produtor e isso me deixa muito feliz e realizada”, destacou Mailza.

A presidente da Colônia, Erinete Nascimento, comemorou e agradeceu o compromisso da senadora com os pescadores. “Essa é uma conquista muito grande para nós, pois vai aumentar a produção. Tem época que os pescadores passam de 3 a 4 dias na fila esperando por gelo, e quando consegue, a piracema tem passado e acaba perdendo a produção. Sem contar que teve pescador que já perdeu tudo que pescou, pois chegou na cidade, precisava de gelo e não tinha para armazenar. Em Cruzeiro só temos duas fabricas e infelizmente não atendem a demanda. Então essa fábrica ela não vai servir só para os pescadores, mas para a população em geral: vai aumentar a produção de peixe em Cruzeiro e com o aumento, o preço diminui. Vai ajudar o pescador, o consumidor,  vai ficar bom para todos”, afirmou a presidente.

Entre os seus 1,5 mil membros, 40% são mulheres. E, desse montante, cerca de 300 delas pegam suas embarcações e vão em busca do pescado que lhes garante o sustento do dia a dia.

Mailza visita a Colônia de Pescadores

Em 2019, início do mandato, a senadora esteve na Colônia de Pescadores do município com o presidente na época, Elenildo Nascimento – atualmente secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento de Cruzeiro do Sul, dona Beatriz Cameli – viúva do ex-governador Orleir Cameli – e o prefeito Zequinha Lima – vice na época para tratar de ações e programas em defesa dos pescadores. Em 2021, esteve novamente reunida com pescadores na sede da colônia.

O presidente da Colônia em 2019, Elenildo Nascimento, mostra a senadora as estruturas da associação

“Me comprometi enviar  o recurso e hoje estou muito feliz em ver que está chegando para melhorar a estrutura para os pescadores trabalharem e potencializar a renda para milhares de famílias que vivem da pesca na região”, finalizou a parlamentar.

Comentários

Continue lendo

Acre

Colisão frontal entre ônibus e carreta deixa três pessoas mortas na BR-364

Publicado

em

Acidente aconteceu na manhã desta sexta-feira (3) em Presidente Médici. PRF diz que várias pessoas ficaram presas às ferragens.

Por G1 RO

Uma colisão frontal entre um ônibus e uma carreta deixou ao menos três pessoas mortas, na manhã desta sexta-feira (3), no km 284 da BR-364, entre Presidente Médici (RO) e Cacoal (RO).

Segundo informações preliminares da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a colisão aconteceu perto da Casa da Uva e há várias vítimas com ferimentos graves no local, sendo que algumas ficaram presas às ferragens.

Até 8h40 (hora local), a polícia confirma ao menos três óbitos no acidente. Ainda não há informações sobre quem são as vítimas fatais.

Equipes de socorro estão no local da colisão entre o ônibus e a carreta e os feridos estão sendo encaminhados a hospitais próximos da região.

Ainda conforme a polícia, o tráfego de veículos na região está funcionando de forma parcial, com uma das pistas interditadas.

Reportagem em atualização*

Comentários

Continue lendo

Acre

No Pará, Gonzaga visita produção de açaí e debate com BASA incentivos para setor produtivo do Acre

Publicado

em

O primeiro-secretário da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Luiz Gonzaga (PSDB), está no estado do Pará para conhecer a produção de açaí, debater incentivos e investimentos para o setor produtivo da fruta no estado do Acre.

Na quinta-feira (2), Gonzaga, acompanhado do vice-presidente da Aleac, Jenilson Leite (PSB), prefeitos acreanos, secretários municipais e empresários, visitou um plantio de açaí em Castanhal, o município mais desenvolvido da Região Nordeste do Pará e o que apresenta o crescimento mais acelerado nas áreas de indústrias e comércio.

A comitiva acompanhou de perto as técnicas de cultivo e equipamentos usados para plantio, colheita e beneficiamento do açaí. A idéia é conhecer de perto o modelo de cadeia produtiva do açaí no Pará que será implementado no Acre.

“Nossa agenda aqui no Pará está sendo muito produtiva. O estado é considerado um dos mais avançados na produção de açaí. Quantos mais experiências adquirirmos será importante para implantarmos no Acre. Nosso objetivo é incentivar o povo acreano a investir no cultivo do açaí como mais uma ferramenta de desenvolvimento econômico”, disse.

Nesta sexta-feira (3), a comitiva acreana participou de reunião com o presidente do Banco da Amazônia (BASA) em Belém, Valdecir José de Souza Tose, para tratar sobre incentivos aos produtores de açaí do Acre.

“A pauta da reunião com o presidente do BASA foi sobre como o banco pode ajudar os produtores do açaí no estado, e quais linhas de crédito podem ser destinadas a eles. Vamos buscar incentivos para nossos produtores investirem nessa área que muito tem a contribuir para o crescimento do Acre”, concluiu Gonzaga.

Comentários

Continue lendo

Em alta