Conecte-se conosco

Geral

Descoberta de Ômicron em animais em Nova York gera preocupação

Publicado

em

Descoberta foi feita em veados de cauda branca

A descoberta da variante Ômicron em veados de cauda branca em Nova York levantou preocupações de que a espécie, que chega a 30 milhões nos Estados Unidos (EUA), possa se tornar hospedeira de nova cepa do coronavírus, segundo pesquisa divulgada nessa terça-feira (8).

Sangue e algumas amostras nasais de 131 veados em Staten Island (Nova York) revelaram que quase 15% tinham anticorpos para o vírus. A descoberta sugeriu que os animais tiveram infecções anteriores por coronavírus e eram vulneráveis ​​a repetidas reinfecções com novas variantes, disseram os pesquisadores, liderados por cientistas da Universidade Estadual da Pensilvânia.

“A circulação do vírus em população animal sempre aumenta a possibilidade de voltar aos humanos, oferecendo oportunidades para o vírus evoluir para novas variantes”, disse Suresh Kuchipudi, microbiologista veterinário da Universidade Estadual da Pensilvânia.

“Quando o vírus sofre mutação completa, ele pode escapar da proteção da vacina atual. Então, teríamos que mudar a vacina novamente”, afirmou Kuchipudi.

A descoberta – primeira vez que a Ômicron é detectada em animal selvagem – ocorre durante aumento das infecções por covid-19, impulsionadas pela variante que está castigando a população norte-americana.

Embora não haja evidências de que animais estejam transmitindo o vírus para humanos, a maioria das infecções por coronavírus foi relatada em espécies que tiveram contato próximo com pessoas com covid-19, de acordo com o Departamento de Agricultura dos EUA.

Em agosto, o governo norte-americano disse que encontrou os primeiros casos mundiais de covid-19 em veados selvagens em Ohio, expandindo a lista de animais conhecidos por terem testado positivo para a doença.

Comentários

Geral

Colisão entre veículos e motocicletas deixa cinco feridos na Avenida Ceará, em Rio Branco

Publicado

em

Por Davi Sahid

Um grave acidente de trânsito envolvendo um veículo modelo Corolla, de cor prata, um carro Fiat Pálio, de cor prata e algumas motocicletas deixou cinco pessoas feridas na madrugada deste sábado, 2, na Avenida Ceará, no bairro Abraão Alab, em Rio Branco.

De acordo com informações de populares que presenciaram o acidente, o condutor do veículo modelo Corolla trafegava no sentido bairro-centro em alta velocidade na Avenida Ceará, quando colidiu violentamente na traseira do veículo Fiat Pálio e em seguida colidiu contra as motos dos mototaxistas que estavam parando na frente a uma boate. Com impacto, o condutor do Pálio perdeu o controle da direção e entrou em uma rua paralela a avenida.

A ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada e conduziu cinco pessoas com escoriações a Unidade de Pronto Atendimento (UPA Franco Silva) na Baixada da Sobral.

Policiais Militares do Batalhão de Trânsito estiveram no local e isolaram a área para os trabalhos de perícia, em seguida os veículos foram removidos por um guincho.

O condutor do veículo Corolla foi encaminhado à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

Comentários

Continue lendo

Geral

Mega-Sena, concurso 2.497: prêmio acumula e vai a R$ 55 milhões

Publicado

em

Por

Veja as dezenas sorteadas: 05 – 14 – 23 – 46 – 48 – 52.

O concurso 2.497 da Mega-Sena foi realizado às 20h deste sábado (2), em São Paulo.

Veja as dezenas sorteadas: 05 – 14 – 23 – 46 – 48 – 52.

O prêmio principal acumulou. A quina teve 87 apostas ganhadoras, que ganham R$ 42.861,28 cada. A quadra teve 6.309 apostas ganhadoras, que levam R$ 844,35 cada.

O próximo concurso (2.498) será realizado na quarta-feira (6). O valor estimado para o prêmio é de R$ 55 milhões.

Comentários

Continue lendo

Geral

Imagens de fotógrafo acreano serão usadas no Discovery Channel

Publicado

em

No próximo mês de agosto, o Discovery Channel, canal de televisão britânico que está entre os mais importantes do mundo quando se fala em documentários, lança no próximo mês de agosto, a série “Secrets in the Jungle”, ou “Segredos da Selva” em português.

A série vai falar sobre o mistério dos desenhos milenares conhecidos como Geoglifos que aparecem no Acre e são conhecidos e estudados por pesquisadores e estudiosos do Brasil e do mundo. As fotos que vão ilustrar a série do Discovery Channel são do fotógrafo e jornalista acreano, Diego Gurgel.

As fotos foram adquirida de Gurgel pela produtora da série “Shark Teeth films” de Toronto, no Canadá, e são um compilado de imagens feitas desde 2009 com os pesquisadores, Alceu Ranzi, Martti Parssinen da Finlândia, Denise Schaan (in memorian), e é o maior acervo de fotografias destas formações ancestrais

Diego Lourenço Gurgel é reconhecido pelo seu trabalho que representa os povos originários da Amazônia, comunidades ribeirinhas e belezas naturais da região.

“Os geoglifos vieram como um presente para a minha vida profissional e pessoal, pois me identifico com a história dos meus antepassados, gosto de estudar sobre o tema, e, por isso, acho que conseguir capturar essas imagens com mais perfeição e amor. Mesmo sendo um trabalho árduo, arriscado, com muitos percalços e aventuras, mas me orgulha ver a arte, a beleza, as histórias e os desenhos que ele traz, após cada trabalho, faz tudo valer à pena”, afirma.

Na última semana, durante um sobrevoo de rotina do Ciopaer (Centro Integrado de Operações Aéreas) a bordo do Harpia 04 à divisa do Acre com a Bolívia, foi possível visualizar novos geoglifos. Ao todo foram registrados três conjuntos de geoglifos próximos uns dos outros, circulares e quadrados, e só foi possível enxergá-los graças à angulação acentuada dos raios solares da manhã, caso contrário seria praticamente impossível enxergá-los pois seus barrancos não produziriam uma sombra, afirmou Diego. “Os geoglifos são muito difíceis de serem visualizados em outra hora do dia pois a falta de sombras apagam as formas, sendo ignorados por muitos que sobrevoam a amazônia“. disse o jornalista.

Comentários

Continue lendo

Em alta