Conecte-se conosco

Geral

Em Xapuri, balsa fica à deriva após quebra de motor e causa revolta de usuários

Publicado

em

O encarregado do Deracre em Xapuri, Eriédson Soares, não há a garantia de que a embarcação possa ser conduzida de volta ao porto com apenas um motor, em razão da forte correnteza

Por Raimari Cardoso

A balsa que faz a travessia de veículos e pedestres entre os dois lados da cidade, em Xapuri, ficou à deriva na noite desta terça-feira, 27, após um problema mecânico no motor que impulsiona a embarcação, que estava sem equipamento reserva.

Nas últimas semanas, o transporte que é mantido pelo Departamento de Estradas de Rodagem e Infraestrutura Hidroviária e Aeroviária (Deracre) tem funcionado de maneira precária, pois os motores da embarcação extrapolaram a vida útil.

Nos últimos dias, a balsa vem operando com apenas um motor, que se encontra em péssimas condições de funcionamento. Recentemente, uma equipe do Deracre esteve em Xapuri, quando se reuniu com representantes de moradores e autoridades locais.

Na ocasião, segundo as informações apuradas, a direção do órgão se comprometeu em enviar um novo motor para reforçar o funcionamento do serviço no município, mas isso não ocorreu até o momento, o que fez com o problema se agravasse.

No incidente desta terça-feira, apenas uma motocicleta e alguns pedestres faziam a travessia do rio quando o motor apresentou problemas e a embarcação ficou à deriva, descendo o rio por cerca de 7 quilômetros onde os operadores conseguiram atracá-la.

De acordo com o encarregado do Deracre em Xapuri, Eriédson Soares, não há a garantia de que a embarcação possa ser conduzida de volta ao porto com apenas um motor, em razão da forte correnteza, pois o rio está em movimento de vazante.

Por conta da vazante, há outra preocupação, segundo Soares: a de que a balsa encalhe ou aderne, aumentando as dificuldades para recuperá-la. Porém, nas primeiras horas da manhã, uma equipe retornou ao local para tentar trazer a balsa de volta à cidade.

Em um grupo de WhatsApp criado por usuários do serviço, há muitos protestos e reclamações por conta da situação. Inclusive, há alguns participantes que sugerem o fechamento da BR-317 como forma de protesto contra a situação.

A vereadora Alarice Botelho, do PT, única mulher na Câmara de Xapuri, enviou uma mensagem via Facebook para o governador Gladson Cameli pedindo providências com relação ao problema que a cada dia ganha maior proporção na cidade.

Comentários

Geral

Imagens de fotógrafo acreano serão usadas no Discovery Channel

Publicado

em

No próximo mês de agosto, o Discovery Channel, canal de televisão britânico que está entre os mais importantes do mundo quando se fala em documentários, lança no próximo mês de agosto, a série “Secrets in the Jungle”, ou “Segredos da Selva” em português.

A série vai falar sobre o mistério dos desenhos milenares conhecidos como Geoglifos que aparecem no Acre e são conhecidos e estudados por pesquisadores e estudiosos do Brasil e do mundo. As fotos que vão ilustrar a série do Discovery Channel são do fotógrafo e jornalista acreano, Diego Gurgel.

As fotos foram adquirida de Gurgel pela produtora da série “Shark Teeth films” de Toronto, no Canadá, e são um compilado de imagens feitas desde 2009 com os pesquisadores, Alceu Ranzi, Martti Parssinen da Finlândia, Denise Schaan (in memorian), e é o maior acervo de fotografias destas formações ancestrais

Diego Lourenço Gurgel é reconhecido pelo seu trabalho que representa os povos originários da Amazônia, comunidades ribeirinhas e belezas naturais da região.

“Os geoglifos vieram como um presente para a minha vida profissional e pessoal, pois me identifico com a história dos meus antepassados, gosto de estudar sobre o tema, e, por isso, acho que conseguir capturar essas imagens com mais perfeição e amor. Mesmo sendo um trabalho árduo, arriscado, com muitos percalços e aventuras, mas me orgulha ver a arte, a beleza, as histórias e os desenhos que ele traz, após cada trabalho, faz tudo valer à pena”, afirma.

Na última semana, durante um sobrevoo de rotina do Ciopaer (Centro Integrado de Operações Aéreas) a bordo do Harpia 04 à divisa do Acre com a Bolívia, foi possível visualizar novos geoglifos. Ao todo foram registrados três conjuntos de geoglifos próximos uns dos outros, circulares e quadrados, e só foi possível enxergá-los graças à angulação acentuada dos raios solares da manhã, caso contrário seria praticamente impossível enxergá-los pois seus barrancos não produziriam uma sombra, afirmou Diego. “Os geoglifos são muito difíceis de serem visualizados em outra hora do dia pois a falta de sombras apagam as formas, sendo ignorados por muitos que sobrevoam a amazônia“. disse o jornalista.

Comentários

Continue lendo

Geral

Petecão promove audiência pública para discutir reativação do campus da Ufac em Brasileia

Publicado

em

Atendendo a uma demanda da região do Alto Acre, em meio às comemorações dos 112 anos de emancipação política de Brasileia, o senador Sergio Petecão (PSD-AC) promoveu uma audiência pública para discutir a reativação do campus da Universidade Federal do Acre (Ufac).

O tema foi discutido com vários segmentos da população e contou com a presença de diversas autoridades, de representantes da universidade, além de estudantes que já concluíram o ensino médio e têm grande interesse na concretização do projeto.

O debate ganhou relevância após o gabinete do senador viabilizar a oferta de cursos de nível superior, pela Ufac, nas cidades de Acrelândia e Plácido de Castro e, pelo Ifac, em Santa Rosa do Purus.

Diante da iniciativa, os prefeitos da região do Alto Acre também buscaram apoio para estender o benefício aos seus respectivos municípios.

“Nesta audiência pública, nós já demos um passo importante, já existe um núcleo da Ufac aqui na região, que não oferece nenhum curso. Então, nós vamos buscar os recursos para dotar a universidade das condições necessárias para se estabelecer aqui essa oferta de cursos também. Estamos encaminhando à Ufac as sugestões e propostas que foram colhidas aqui e esperamos para breve uma definição da instituição sobre essa demanda”, declarou Petecão.

Segundo o vice-reitor da Ufac, professor Josimar Ferreira, que na ocasião representou a reitora Guida Aquino, “De imediato, já saímos com uma nova proposta daqui, que é trabalhar no sentido de oferecer um curso de engenharia agrícola. Vamos depender de uma ação de toda a nossa bancada federal, do Ministério da Educação (MEC) e do Ministério da Economia. Agora nós vamos levar à mesa da reitoria tudo o que foi discutido aqui para dar os encaminhamentos”, explicou.

A deputada federal Wanda Milani (Pros) parabenizou a iniciativa e disse ser louvável a atitude em convocar a audiência.

“Fizemos aqui um compromisso de, conjuntamente com os demais integrantes da bancada federal do Acre, buscar em Brasília as condições para reestruturar o campus da Ufac aqui de Brasileia e conseguir iniciar, o mais breve possível, a oferta de ao menos um curso para essa região, suprindo assim essa carência de formação de mão de obra especializada que nosso estado tanto precisa”, defendeu.

Durante os últimos 3 anos, o senador Petecão já destinou à Ufac cerca de R$ 3,5 milhões em emendas, que possibilitaram a reforma e ampliação do restaurante universitário de Rio Branco e de Cruzeiro do Sul, aquisição de equipamentos e veículos para a instituição, o custeio de cursos oferecidos no interior do estado, além de outras obras que fortalecem o ensino superior do Acre.

“Como coordenador da bancada federal do Acre, eu me sinto no dever de abraçar essa causa. Investir na educação é uma das alternativas para o desenvolvimento desses municípios”, enfatizou Petecão.

Todos os anos, centenas de jovens que concluem o ensino médio nos municípios do Alto Acre são forçados a parar de estudar por não terem nenhuma opção de curso de nível superior pela qual possam obter uma formação acadêmica. Diante do problema, a população desses municípios tem cobrado das autoridades a oferta de cursos superiores alinhados com a vocação econômica da região.

Além da deputada federal Wanda Milani (PROS) e do vice-reitor da Universidade Federal do Acre (Ufac), Josimar Ferreira, também compareceram à audiência a prefeita de Brasileia, Fernanda Assem (PT); o prefeito de Xapuri, Bira Vasconcelos e representantes da sociedade civil.

Comentários

Continue lendo

Geral

“Mais um degrau no combate à violência contra mulher”, diz senadora Mailza ao enviar R$ 700 mil à Casa Rosa Mulher 

Publicado

em

Recurso será usado para equipagem do espaço e compra de um micro-ônibus para atender mulheres

Por Assesoria

As medidas de proteção à mulher e combate à violência feminina em Rio Branco serão reforçadas por meio de uma emenda de R$ 700 mil enviada pela senadora Mailza. O anúncio foi feito na tarde desta sexta-feira (1), durante visita da  parlamentar à Casa Rosa Mulher.

“O ideal é que não precisássemos, nos dias de hoje, falar sobre a proteção das mulheres. Mas, ainda é forte a violência feminina. Por isso, compreendo a importância do meu cargo e procuro realizar as mudanças que vão fazer a diferença na vida de tantas mulheres. Essa emenda para a Casa Rosa Mulher em Rio Branco é mais um degrau no conjunto de ações que estou fazendo no enfrentamento da violência contra a mulher no Acre”, disse Mailza.

Essa emenda proporcionará a melhoria nas instalações internas promovendo um ambiente acolhedor e garantindo um atendimento humanizado para as mulheres vítimas de violência. É o que explica a gerente do Departamento de Políticas Públicas para as Mulheres, da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), Cristina Maia.

“A emenda no valor de R$ 700 mil será destinada para a equipagem da Casa Rosa e também vamos adquirir um micro-ônibus para que ele sirva na parte móvel, para também atender às mulheres na parte alta da cidade. Nós vamos conseguir atender também às demais regiões do município e região rural”, explicou.

Durante as sessões, as mães encontram apoio da Casa em deixarem seus filhos na brinquedoteca. Algumas delas, relatam que esse local é de fundamental importância para sua recuperação e de sua autoestima.

“A Casa Rosa Mulher é um ponto maravilhoso de acolhimento para todas as mulheres que precisam de ajuda. É um ponto de informação e empoderamento feminino, é muito importante na vida de cada uma das mulheres que aqui procuram”, disse Y.K.S, mulher assistida.

Comentários

Continue lendo

Em alta