Captura de Tela 2014-02-01 às 22.59.59

Das Agências

Ao menos 14 pessoas morreram neste sábado (1) devido às nuvens de cinzas expelidas pelo vulcão Sinabung, na Indonésia, durante sua erupção dos últimos dias, de acordo com as autoridades do país.

“Neste estágio não foi possível fazer qualquer evacuação na área por causa da possibilidade de novas erupções”, disse o membro da equipe presidencial Andi Arief.

Captura de Tela 2014-02-01 às 22.58.48

Entre os mortos, há quatro jovens que estavam em uma excursão com sua escola para observar justamente o vulcão, no oeste da ilha de Sumatra, declarou Sutopo Purwo Nugroho, porta-voz da Agência Nacional de Gestão de Catástrofes.

CÍRCULO DE FOGO

O vulcão do monte Sinabung, que havia registrado uma queda de atividade, despertou neste sábado pela manhã, projetando rochas e cinzas a uma altura de 2.000 metros e cobrindo uma imensa área com uma nuvem escura.

Editoria de Arte/Folhapress

Sinabung é um dos cerca de 130 vulcões ativos na Indonésia, que fica no chamado “Círculo de Fogo”, cinturão vulcânico em torno das margens do Oceano Pacífico.

A erupção vulcânica mais mortal no país nos últimos anos foi do Monte Merapi, perto da cidade densamente povoada de Yogyakarta, no centro de Java. O vulcão entrou em erupção no fim de 2010, matando mais de 350 pessoas.

Comentários