Foto: vídeo/captura
Foto: vídeo/captura

Alexandre Lima, da redação

Foi enviado à redação do jornal oaltoacre via e-mail, um vídeo onde mostra duas estudantes da escola estadual Brasil Bolívia, talvez a mais antiga na cidade de Epitaciolândia, localizada na fronteira do Acre com a Bolívia.

Segundo foi apurado, alunos estão marcando hora e data pelas redes sociais para brigarem por motivos banais. Já foi denunciado outras brigas na Escola Joana Ribeiro Amed e na praça em frente entre meninos e meninas.

Neste vídeo, se nota que duas adolescentes iniciam uma briga diante de uma grande plateia de jovens que incentivam a todo o momento que iniciassem a briga e logo começavam trocas de socos e pontapés e puxões de cabelo.

As brigas são sempre menores e mesmo que seja em frente às escolas, nenhum professor ou funcionário da interfere nas brigas. Das que foram flagradas e denunciadas, esta se pôde registrar que uma chegou a ficar desmaiada no chão enquanto era filmada e fotografadas por celulares.

Estes casos já estão sendo investigados pelo Ministério Público Estadual, juntamente com o Conselho Tutelar que pretendem chegar aos pais ou responsáveis pelos adolescentes, para tomar medidas cabíveis.

Foto: vídeo/captura
Foto: vídeo/captura

Comentários