Familiares de acreano preso na Bolívia bloqueiam ponte em protesto

Dona Francisca, mãe de Sebastião que teria sido sequestrado em solo brasileiro por policiais bolivianos.
Alexandre Lima

O caso do acreano supostamente sequestrado por policiais bolivianos na cidade de Epitaciolândia na noite do dia 12 do mês em curso, entra em nova fase. O jovem Sebastião Nogueira do Nascimento (33) está sendo acusado pela Justiça daquele País, de fazer parte do sequestro do filho de um senador em outubro de 2016.

Diante dos fatos, ou falta deles, os familiares estão buscando a verdade, uma vez que acusam a polícia boliviana de ter ido até sua casa, no lado de Epitaciolândia/Acre, armados, fazer disparos e ter praticado um sequestro sem que as autoridades brasileiras soubessem.

Sebastião nega seu envolvimento e corre o risco de ser transferido para o presídio de San Pedro de Chanchocoro, região montanhosa de La Paz, considerado o terror pelos estrangeiros condenados.

O brasileiro se encontra preso no presídio de Villa Bush, distante cerca de 10km de Cobija, capital de Pando/Bolívia. Diante da lentidão das autoridades brasileiras, os familiares resolveram radicalizar para que fossem ouvidos.

Dona Francisca quer que autoridades brasileiras se pronunciem sobre o caso de seu filho.

A medida, já anunciada dia após o brasileiro ser levado, foi o bloqueio da Ponte Internacional que liga os dois países pela cidade de Epitaciolândia. Por volta do meio-dia desta sexta-feira, dia 17, a mãe juntamente com o pai, filhos e amigos, montaram um piquete impedindo a passagem de veículos, principalmente carretas.

A ponte Wilson Pinheiro na cidade de Brasiléia por enquanto está liberada. O consulado brasileiro e ouras autoridades brasileiras já estariam se mobilizando e tomando parte do caso, mas, os familiares temem sua transferência para La Paz nos próximos dias.

Veja vídeo reportagem.

Familiares denunciam sequestro de brasileiro por policiais bolivianos na fronteira do Acre

Polícia boliviana procura sequestradores de filho de senador em Cobija

 

Comentários