O jovem Edson da Silva Góes, de 20 anos, que trabalhava no sinal em frente ao posto de saúde do bairro 6 de Agosto, limpando os para-brisas de veículos, foi morto a golpes de faca na manhã desta quarta-feira (18). O crime aconteceu na Avenida Amadeo Barbosa, no segundo distrito de Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, o jovem foi levado para dentro de uma área de mata e ferido por homens não identificado com vários golpes de faca.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) tinha acabado de atestar a morte de um professor e ao retornar para a base se depararam com uma pessoa pedindo ajuda para um homem que estava ferido a golpes de faca. Os paramédicos desceram da ambulância e quando iniciaram os primeiros socorros o jovem não resistiu e morreu.

Policiais Militares do 2°Batalhão foram acionados e isolaram a área para os trabalhos dos peritos em criminalística, em seguida fizeram várias rondas na região, mas os criminosos não foram encontrados.

O corpo foi conduzido ao Instituto Médico Legal (IML) onde passará pelos exames cadavéricos.

A Polícia Civil investigará o caso através da Delegacia de Homicídios e Proteção (DHPP).

Comentários