Conecte-se conosco

Acre

Funcionário terceirizado morre eletrocutado em Assis Brasil

Publicado

em

Francisco recebeu uma descarga fatal e morreu no local - Fotos: oaltoacre

Francisco recebeu uma descarga fatal e morreu no local – Fotos: oaltoacre

Alexandre Lima e Almir Andrade

A tragédia ocorreu após o meio-dia desta quinta-feira, dia 22, na cidade de Assis Brasil, localizada na fronteira do Acre, distante cerca de 350 km da capital, Rio Branco. A vítima, seria um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviços à Eletroacre, fazendo manutenção da rede elétrica, entre outros serviços.

Francisco Almeida dos Santos (46), teria se aproximado de um poste para realizar a religação elétrica num poste e não teria tido os cuidados devido, já que iria manusear uma rede elétrica de alta tensão, onde exige o uso de equipamentos adequados.

O eletricitário teria segurado na vara usada para ligar a rede elétrica sem uma das luvas e recebeu uma descarga mortal. Francisco teve uma das mãos fortemente queimada e morreu no local, sem tempo de receber atendimento médico.

O perito criminal e funcionários do Instituto Médico Legal – IML, se deslocaram de Brasiléia para levantar dados do acidente. Se soube que Francisco era gerente da empresa e seria comum trabalhar sem parte dos equipamentos não oferecidos pela empresa e a luva encontrada ao seu lado, foi colocada após o incidente.

O caso está sendo investigado pelo delegado plantonista Sérgio Lopes e se acredita na hipótese de excesso de confiança por parte da vítima. O Corpo foi transferido para Rio Branco para exames cadavérico.

Comentários

Acre

Polícia Civil investiga contas falsas em redes sociais para atacar honra de prefeito de Assis Brasil

Publicado

em

Prefeito Jerry Coreia e o vice Reginaldo Martins no dia da posse – Foto: arquivo/secom

A Procuradoria Jurídica do município de Assis Brasil ingressou com pedido de investigação contra contas falsas no Facebook e Instagram criadas para atacar a gestão e honra do prefeito e vice-prefeito de Assis Brasil. Os perfis investigados são contas falsas denominadas Zé de Assis, The Focus e Tríplice.fronteira_emtemporeal.

Segundo o Código Penal os criminosos uma vez identificados podem pegar até um ano de reclusão. A Constituição Federal defende a liberdade de expressão, mas veda o anonimato.

Segundo o Procurador Jurídico do município, Giordano Simplício, hoje em dia esse tipo de crime tornou-se fácil de identificar seus autores, por conta dos avanços tecnológicos e o treinamento especializado dos agentes.

“É bom lembrar que comete crime tanto quem cria perfis falsos como quem compartilha esse tipo de ilícito. Já existe no Acre uma Delegacia especializada em crimes cibernéticos”, disse o procurador.

Comentários

Continue lendo

Acre

Após apreensão, comandante de Pando devolve motocicleta roubada ao lado brasileiro

Publicado

em

Na data de ontem, 19, o comandante do departamento de Polícia de Pando fez a devolução de uma motocicleta denunciado como roubado no lado brasileiro.

A motocicleta foi recebida pela Polícia Civil, através do Delegado Ricardo Castro que em seguida foi devolvida ao proprietário do veiculo.

Comumente ambos os departamentos fazem a devolução de veículos para o país de origem, a parceria entre a polícia boliviana e brasileira tornou possível tal ato, o veiculo é devolvido ao proprietário sempre que o mesmo comprovar que o veiculo pertence a ele(a).

Comentários

Continue lendo

Acre

Alan Rick destaca assistência médica nos rincões do país

Publicado

em

Em entrevista ao programa Jogo Rápido, da Agência Câmara de Notícias, o deputado Alan Rick ressaltou a importância da assistência médica integral nos municípios mais distantes dos grandes centros urbanos.

“Um dos grandes desafios do Brasil é garantir o provimento médico nos lugares mais distantes, nos municípios mais pobres, nas áreas de mais necessidade. E foi pensando nisso que em 2016 apresentei emenda à lei do programa Mais Médicos, que hoje possibilita que os brasileiros formados no exterior tenham prioridade na contratação”, disse o parlamentar.

Segundo ele, os médicos formados no exterior são aqueles que permanecem nas unidades de saúde.

Comentários

Continue lendo

Em alta