A desembargadora está ameaçada de morte por causa da atuação no processo da Operação G-7.

Estacionado na Rua Abrahim Farhat, o ônibus abriga a Delegacia Itinerante da Polícia Federal, que dá proteção à desembargadora Denise Bonfim, por ordem do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

A desembargadora está ameaçada de morte por causa da atuação no processo da Operação G-7,  deflagrada no dia 10 de maio pela Polícia Federal, que resultou em 15 prisões e no indiciamento de 29 empresários e secretários estaduais presos e indiciados pela Polícia Federal por crimes de formação de cartel, falsidade ideológica, corrupção ativa e passiva, formação de quadrilha, fraude em licitação e desvio de verbas públicas.

Ônibus que abriga a Delegacia Itinerante da Polícia Federal está estacionado na rua Abrahim Farhat/Foto: Altino Machado
Ônibus que abriga a Delegacia Itinerante da Polícia Federal está estacionado na rua Abrahim Farhat – Foto: Altino Machado

A presença da Polícia Federal, que tem sido alvo constante de manifestações de apoio da população do Acre, é motivo satisfação e segurança para os moradores da Rua Abrahim Farhat.

– Nós já apelidamos ele de Barbosão, em homenagem ao presidente do Supremo Tribunal Federal. Agora temos segurança na rua – conta um morador.

Fonte:

 

Comentários