Conecte-se conosco

Brasil

Governo pede à diretoria da Petrobras para adiar reajuste da gasolina e do diesel

Publicado

em

© Werther Santana/Estadão – 26/10/2021

Por Mônica Ciarelli e Denise Luna
Uma reunião entre emissários do alto escalão do governo e a diretoria da Petrobras foi realizada na noite de segunda-feira, 13, para tentar impedir o aumento de combustíveis que a estatal planeja para esta semana, de acordo com fontes ouvidas pelo Estadão/Broadcast.

A ideia é aumentar a gasolina em 9% e o diesel em 11%, para amenizar a defasagem de preços entre o mercado interno e o mercado internacional.

A reunião girou em torno do reajuste. O governo teme que o aumento anule os esforços para a aprovação do Projeto de Lei Complementar 18 (PLP 18), que limita o teto do ICMS em 17%, por isso prefere que a Petrobras aguarde mais tempo para elevar os preços para não atrapalhar a votação.

A diretoria da estatal teria recebido bem a proposta, sem no entanto dar certeza ao governo de que iria manter os preços congelados. O sentimento, porém, é de que os executivos consideraram a possibilidade, mas não chegaram a uma decisão final. É possível, inclusive, que o porcentual do aumento seja reduzido.

O barril do petróleo tipo Brent ultrapassou a marca de US$ 120 esta semana e analistas já preveem que atinja US$ 130 até o final do mês e US$ 150 até o final do ano.

Com isso, o preço dos derivados, como gasolina e diesel, acompanham o movimento de alta, se distanciando cada vez mais dos preços praticados nas refinarias da estatal.

Segundo dados da Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom), a defasagem nesta terça-feira era de 16% para os dois combustíveis, mas a tendência é de que essa diferença seja ainda maior com o fortalecimento do dólar frente ao real.

A moeda norte americana ultrapassou os R$ 5 e fechou nesta terça-feira, 14, cotado a R$ 5,13, alta de 0,38% em relação ao fechamento de ontem.

Procurada, a Petrobras não confirma as informações. A empresa está em plena transição de comando, aguardando a documentação dos novos nomes indicados pelo governo para compor o novo conselho de administração, o qual, dizem as fontes, vai mudar parte da diretoria para tentar segurar os preços perto das eleições presidenciais.

O único nome até o momento que está sendo avaliado pelo Comitê de Pessoas (Cope) da empresa é do secretário de Desburocratização do Ministério da EconomiaCaio Paes de Andrade, cujo currículo não preenche os requisitos da Lei das Estatais e nem do Estatuto da Petrobras. Apesar disso, o nome pode ser aprovado, já que o Cope é apenas consultivo.

 Uma reunião entre emissários do alto escalão do governo e a diretoria da Petrobras foi realizada na noite de segunda-feira, 13, para tentar impedir o aumento de combustíveis que a estatal planeja para esta semana, de acordo com fontes ouvidas pelo Estadão/Broadcast.

A ideia é aumentar a gasolina em 9% e o diesel em 11%, para amenizar a defasagem de preços entre o mercado interno e o mercado internacional.

A reunião girou em torno do reajuste. O governo teme que o aumento anule os esforços para a aprovação do Projeto de Lei Complementar 18 (PLP 18), que limita o teto do ICMS em 17%, por isso prefere que a Petrobras aguarde mais tempo para elevar os preços para não atrapalhar a votação.

A diretoria da estatal teria recebido bem a proposta, sem no entanto dar certeza ao governo de que iria manter os preços congelados. O sentimento, porém, é de que os executivos consideraram a possibilidade, mas não chegaram a uma decisão final. É possível, inclusive, que o porcentual do aumento seja reduzido.

O barril do petróleo tipo Brent ultrapassou a marca de US$ 120 esta semana e analistas já preveem que atinja US$ 130 até o final do mês e US$ 150 até o final do ano.

Com isso, o preço dos derivados, como gasolina e diesel, acompanham o movimento de alta, se distanciando cada vez mais dos preços praticados nas refinarias da estatal.

Segundo dados da Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom), a defasagem nesta terça-feira era de 16% para os dois combustíveis, mas a tendência é de que essa diferença seja ainda maior com o fortalecimento do dólar frente ao real.

A moeda norte americana ultrapassou os R$ 5 e fechou nesta terça-feira, 14, cotado a R$ 5,13, alta de 0,38% em relação ao fechamento de ontem.

Procurada, a Petrobras não confirma as informações. A empresa está em plena transição de comando, aguardando a documentação dos novos nomes indicados pelo governo para compor o novo conselho de administração, o qual, dizem as fontes, vai mudar parte da diretoria para tentar segurar os preços perto das eleições presidenciais.

O único nome até o momento que está sendo avaliado pelo Comitê de Pessoas (Cope) da empresa é do secretário de Desburocratização do Ministério da EconomiaCaio Paes de Andrade, cujo currículo não preenche os requisitos da Lei das Estatais e nem do Estatuto da Petrobras. Apesar disso, o nome pode ser aprovado, já que o Cope é apenas consultivo.

Comentários

Brasil

Caixa sorteia o maior prêmio da Mega-Sena no ano: R$ 201,9 milhões; veja os números

Publicado

em

Confira se você acertou as seis dezenas; o vencedor pode aplicar a bolada na poupança e ganhar mais de R$ 1,3 milhão todos os meses

A CEF (Caixa Econômica Federal) sorteou nesta quarta-feira (28) as dezenas do concurso 2.524 da Mega-Sena, na ordem seguinte: 22 — 37 — 03 — 41 — 43 — 20. O prêmio está acumulado em R$ 201,9 milhões, porque ninguem acerta os seis números há 13 concursos. O sorteio da loteria foi realizado às 20h, no Espaço da Sorte, que fica na avenida Paulista, em São Paulo (SP), com transmissão ao vivo pelas redes sociais da Caixa Econômica.

Ainda não se sabe se houve ganhadores. Se um apostador levar sozinho o prêmio principal, poderá aplicar todo o dinheiro na poupança e receber mais de R$ 1,3 milhão de rendimento no primeiro mês. O ganho também pode ser impulsionado por investimentos mais rentáveis, com a mesma segurança da caderneta, que oferecem mais de R$ 2 milhões no primeiro mês, pelo mesmo montante aplicado.

No concurso 2.523, apurado no sábado (24), os números sorteados pela loteria foram: 01 — 10 — 27 — 36 — 37 — 45. Apesar de ninguém ter faturado o prêmio principal, 294 apostas cravaram a quina e têm o direito de receber R$ 44.862,56 cada uma. Outros 20.572 bilhetes acertaram quatro números, e podem receber R$ 915,91 cada um.

Comentários

Continue lendo

Brasil

Faturamento da indústria de máquinas e equipamentos cai em agosto

Publicado

em

fotos de indústrias,indústrias; fábricas

O faturamento da indústria de máquinas e equipamentos teve queda de 9% em agosto na comparação com o mesmo mês do ano passado. Segundo balanço divulgado hoje (28) pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), a receita líquida total ficou em R$ 28,341 bilhões.

De janeiro a agosto deste ano, o setor acumula queda de 5,1% na receita em relação ao mesmo período de 2021 e, na comparação com julho, uma queda de 4,4%. Na comparação mensal com ajuste sazonal, a queda chegou a 2,2%.

O consumo aparente de máquinas e equipamentos, resultado da soma das máquinas importadas com as produzidas localmente e direcionadas ao mercado interno, registrou crescimento na comparação com o mês anterior de 1,7% com ajuste sazonal. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, o consumo registrou queda devido à diminuição das aquisições de máquinas produzidas localmente (-12,9%).

O número de pessoas empregadas no setor registrou aumento de 0,6% em relação ao mês de julho deste ano, atingindo o patamar de 399 mil postos de trabalho ocupados. Na comparação com o mês de agosto do ano passado, o aumento do quadro foi de 16.891 trabalhadores.

“O maior número de contratação ocorreu no setor fabricante de máquinas para a construção civil. Também houve incremento nas fábricas de máquinas para a indústria de transformação, componentes para bens de capital e máquinas para a agricultura”, diz a Abimaq.

Em agosto de 2022 houve crescimento de 25,5% nas exportações de máquinas e equipamentos frente ao mês de julho de 2022, anulando a queda de 3% registrada no mês anterior. No mês. o setor exportou US$ 1,26 bilhão em máquinas e equipamentos, o melhor resultado desde outubro de 2012. No acumulado do ano, o setor exportou US$ 7,9 bilhões, 28,2% a mais do que no mesmo período de 2021, o equivalente a 20% da receita total do setor. Em quantidade, o crescimento das exportações do período foi de 13,7%.

“Os números vieram mais fracos no mercado doméstico, mas as exportações continuam surpreendendo com crescimento importante, contribuindo com 20% do faturamento. Ainda há espaço para incrementar mais do que essa taxa. A notícia negativa é mesmo com relação ao mercado doméstico, que acumula uma queda, não é heterogênea porque há segmentos com bom desempenho, mas a queda foi quase generalizada. O ano ainda tem setores com crescimento expressivo”, disse a economista da Abimaq, Cristina Zanella.

Comentários

Continue lendo

Brasil

Oito estados anunciam Lei Seca no dia das eleições

Publicado

em

Cerveja artesanal

Pelo menos oito estados anunciaram que vão restringir a venda de bebidas alcoólicas no dia das eleições para evitar perturbações durante a votação. Nestes estados, a Lei Seca vai valer para o próximo domingo (2), primeiro turno do pleito, e em 30 de outubro, no caso de um segundo turno.

Até o momento, Acre, Amazonas, Roraima, Rio Grande do Norte, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Paraná e Tocantins já anunciaram a proibição. As demais unidades da federação ainda avaliam a possibilidade de adoção da Lei Seca.

No Amazonas, a proibição começará a partir de domingo (2) e permanecerá até às 18h do mesmo dia. Em Roraima, a Lei Seca valerá das 23h de sábado (1º) até às 19h de domingo.

No Mato Grosso do Sul, fica proibida a venda de bebidas em bares, restaurantes, lojas de conveniência, hotéis e lanchonetes. A restrição será aplicada entre as 3h e 16h de domingo.

Os estados informaram que vão fiscalizar o descumprimento da Lei Seca. Quem não respeitar a proibição poderá ser preso em flagrante por desobediência e descumprimento de ordens da Justiça Eleitoral.

Comentários

Continue lendo

Em alta