Conecte-se conosco

Acre

Homenagem do filho jornalista ao pai. “Meu pai jornalista”

Publicado

em

Resley Saab

Rubens Saab, pioneiríssimo da comunicação no Acre - Foto: Arquivo familiar

Rubens Saab, pioneiríssimo da comunicação no Acre – Foto: Arquivo familiar

Já faz algum tempo que quero homenagear grandes homens da história deste Estado. E começo hoje com o meu pai, Rubens Saab, pioneiríssimo da comunicação no Acre, numa época em que a população local tinha como único meio de troca de informações, a radiotelegrafia.

Se ainda hoje, nas mais recônditas regiões deste país, as figuras do padre, do juiz e do prefeito são tidas como um referencial para a população, o radiotelegrafista, na década de 70, então era uma espécie de titular de um 4º poder. Ele era o único canal de comunicação entre cidades, num mundo ainda sem televisão nem rádio e com um sistema de energia elétrica precaríssimo.

A sopa de letras, transformada em 1837 pelo americano Samuel Morse em pontos e linhas, e jogadas na atmosfera até um receptor – a distâncias intercontinentais, se preciso fosse – era o único meio de promover e obter notícias, por exemplo, de socorro médico, de anunciar calamidades públicas, ou de prestar agilidade em serviços como vacinação e transporte aéreo.

Assim como a água é vital, informação é até hoje tão essencial quanto. Agora, imagine numa Brasiléia de 1969, para onde Saab foi destacado, recém-formado radiotelegrafista de 1ª Classe pela Escola Edson, no Rio.

Neste sentido, o classifico, sem medo de errar, que ele foi à época, a personificação dos mass media atuais, como chamamos os sistemas organizados de produção, difusão e recepção da informação.

Saab era o jornalista da época, o porta-voz da comunicação e única via pela qual se faziam chegar, rapidamente, as notícias aos grandes centros (e vice-versa). Por isso, o meu orgulho por esses profissionais, e em especial, pelo meu pai.

Aliás, no século 18, o jornalismo já vivia os efeitos da revolução tecnológica, quando em 1848, jornais como o The Times, que já usava a máquina a vapor para impressão de suas edições, passaram também a incorporar o telégrafo como ferramenta de trabalho.

Aqui no Acre, Rubens se recorda, por exemplo, que intermediou a acomodação do time do Rio Branco em La Paz, para onde iriam, num amistoso entre nações. “Os jogadores não sabiam como seriam recebidos. A minha transmissão radiotelegráfica a uma estatal petroleira boliviana da época permitiu ao governo boliviano se inteirar da chegada da equipe à capital La Paz, desde um voo de Cobija”.

Foi por meio da estação de Saab, que o Palácio Rio Branco tomou conhecimento da 1ª grande inundação na fronteira, muitos anos atrás. Pedidos de remédios e o apoio do Exército recheavam também o boletim radiotelegráfico.

“Hoje, vejo meus e-mails, compartilho as vitórias do meu Botafogo online e chego à conclusão: “Haverá um dia em que o homem será teletransportado””, profetiza Saab. “A diferença é que ao invés de palavras, ele se materializará na outra ponta da linha”. Simples assim.

Mas, pela velocidade com que os sistemas evoluem, eu não acho difícil que isso aconteça, seu Saab.

Artigo publicado no último domingo, 28, no Jornal A Gazeta

Comentários

Acre

Polícia Civil investiga contas falsas em redes sociais para atacar honra de prefeito de Assis Brasil

Publicado

em

Prefeito Jerry Coreia e o vice Reginaldo Martins no dia da posse – Foto: arquivo/secom

A Procuradoria Jurídica do município de Assis Brasil ingressou com pedido de investigação contra contas falsas no Facebook e Instagram criadas para atacar a gestão e honra do prefeito e vice-prefeito de Assis Brasil. Os perfis investigados são contas falsas denominadas Zé de Assis, The Focus e Tríplice.fronteira_emtemporeal.

Segundo o Código Penal os criminosos uma vez identificados podem pegar até um ano de reclusão. A Constituição Federal defende a liberdade de expressão, mas veda o anonimato.

Segundo o Procurador Jurídico do município, Giordano Simplício, hoje em dia esse tipo de crime tornou-se fácil de identificar seus autores, por conta dos avanços tecnológicos e o treinamento especializado dos agentes.

“É bom lembrar que comete crime tanto quem cria perfis falsos como quem compartilha esse tipo de ilícito. Já existe no Acre uma Delegacia especializada em crimes cibernéticos”, disse o procurador.

Comentários

Continue lendo

Acre

Alan Rick destaca assistência médica nos rincões do país

Publicado

em

Em entrevista ao programa Jogo Rápido, da Agência Câmara de Notícias, o deputado Alan Rick ressaltou a importância da assistência médica integral nos municípios mais distantes dos grandes centros urbanos.

“Um dos grandes desafios do Brasil é garantir o provimento médico nos lugares mais distantes, nos municípios mais pobres, nas áreas de mais necessidade. E foi pensando nisso que em 2016 apresentei emenda à lei do programa Mais Médicos, que hoje possibilita que os brasileiros formados no exterior tenham prioridade na contratação”, disse o parlamentar.

Segundo ele, os médicos formados no exterior são aqueles que permanecem nas unidades de saúde.

Comentários

Continue lendo

Acre

Inscrição para concurso do CRM com salário de R$ 4 mil encerra nesta quinta

Publicado

em

O prazo de inscrições para o concurso do Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM), que prevê uma vaga para o cargo de contador, se encerra nesta quinta-feira, 20. O edital foi lançado no dia 29 de dezembro e a taxa de inscrição custa R$ 75 reais.

A função exige certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado, curso de graduação de nível superior, bacharelado, em contabilidade, reconhecido pelo ministério da educação e registro no conselho regional de contabilidade. O salário oferecido no cargo é de R$ 4.380,43 por jornada de trabalho de 20 horas por semana, mais benefícios de auxílio-creche no valor mensal de R$ 300,00 por dependente com idade de 06 meses até 05 anos e 11 meses e ticket-alimentação de R$ 675,00 por mês.

Os requisitos para se candidatar ao cargo são: Certificado de conclusão ou diploma, devidamente registrado, curso de graduação de nível superior, bacharelado em Contabilidade, reconhecido pelo Ministério da Educação. Registro no Conselho Regional de Contabilidade.

A coordenação técnico/administrativa do concurso público será de responsabilidade do Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo – IBADE.

Comentários

Continue lendo

Em alta